Concurso Uberlândia (MG) 2016 – Prefeitura Municipal

Certame oferta 150 vagas para a Agência de Vigilância em Saúde. Inscrições podem ser feitas até o dia 30 de junho.

Foi anunciado recentemente pela Prefeitura Municipal de Uberlândia, localidade situada no estado de Minas Gerais, a abertura de um novo concurso público para a região. De acordo com as informações divulgadas até agora, há uma oferta total de 150 vagas para a área da saúde. A organização dessa seleção pública ainda destaca que do número total de vagas 15 estão sendo reservadas para candidatos que sejam portadores de necessidades especiais e para candidatos que se declararem negros a reserva é de 30 vagas. Veja os detalhes logo abaixo:

O candidato que chegou a concluir o nível médio poderá se inscrever para o cargo de agente de vigilância em saúde. Os salários iniciais oferecidos para a função serão de R$ 1.243,65. A jornada de trabalho será composta por 30 horas semanais.

Como participar do concurso para a Prefeitura de Uberlândia

O período de atendimento aos concursandos já se encontra em aberto. O profissional que atender os requisitos de participação exigidos e quiser se inscrever poderá fazer sua candidatura preenchendo o formulário de inscrição que está sendo disponibilizado no seguinte endereço eletrônico: www.uberlandia.mg.gov.br. O período de atendimento aos candidatos seguirá em aberto até a data limite do dia 30 de junho de 2016. Não haverá a cobrança de taxas de inscrição.

Seleção dos inscritos

Os concursandos que tiverem suas inscrições aceitas serão avaliados por meio da aplicação de provas objetivas. O exame contará com 35 questões, todas de múltipla escolha. A duração máxima da mesma será de três horas.

Informações relativas ao dia, local e horário de aplicação dos testes serão informados em momento oportuno por meio do endereço eletrônico da Prefeitura.

Informações sobre o Cargo

Os profissionais contratados para a função de agente de vigilância em saúde irão atuar no desenvolvimento de ações de inspeção, prevenção e promoção com vistas a redução dos riscos à saúde tanto da população quanto do meio ambiente. Para isso será habilitado para identificar possíveis agentes causais e condicionantes. Também avaliará a ocupação dos espaços, a organização da sociedade. A prestação de suporte técnico de gestão de saúde para o SUS também consta entre as atribuições pertinentes ao cargo.

Para conferir maiores informações, possíveis retificações e o edital na íntegra, clique aqui.

Por Denisson Soares