Concurso SEFAZ-RR 2017 – Seleção aguarda Autorização do Governo

Vagas ofertadas deverão ser para o cargo de Fiscal de Tributos Estaduais.

Para quem pertence ao estado de Roraima e está aguardando a publicação do edital de abertura do concurso público da Secretaria da Fazenda, as informações mais recentes é de que para que o edital seja publicado será necessária a autorização do Governo do estado.

Os preparativos do concurso público da Secretaria da Fazenda tiveram início no ano passado, quando foi eleita uma comissão para se responsabilizar pelos trâmites necessários para a sua realização, inclusive a sua viabilidade. Nesse sentido, a comissão já aprovou a necessidade da realização do certame. Assim, o concurso público para ser liberado depende apenas da autorização da governadora do estado de Roraima, Suely Campos.

Segundo informações preliminares, as vagas oferecidas para a concorrência são para a função de Fiscal de Tributos Estaduais. Embora o número de oportunidades não tenha sido oficialmente divulgado, a expectativa é de que sejam disponibilizadas pelo menos 5 vagas para lotação imediata, que representa a necessidade que existe atualmente no órgão. Contudo, para os próximos anos existe uma projeção de que sejam necessárias mais 28 contratações.

De qualquer modo, 28 ou 5 oportunidades, a realidade é que existe essa necessidade de novos servidores no quadro de colaboradores da Secretaria da Fazenda, o que reforça a necessidade de sua autorização.

O possível motivo da demora da autorização política se deve ao fato de que o momento econômico não é o ideal para mais gastos, contudo, as cinco vagas previstas para serem ofertadas no certame já fazem parte do quadro de servidores do órgão, sendo assim não haverá aumento no orçamento do estado. Já as outras 28 vagas citadas acima se referem a possíveis vagas, em casos de aposentadoria, demissão e coisas desse tipo.

Independente do número de oportunidades do certame, o que se sabe é que para concorrer ao cargo de Fiscal de Tributos Especiais o candidato precisa possuir formação de nível superior.

O último concurso público realizado pela Secretaria da Fazenda do estado de Roraima aconteceu no ano de 2006. Na ocasião puderam concorrer ao mesmo cargo pessoas com nível superior nas áreas de ciências contábeis, direito, economia e administração.

Um Fiscal de Tributos Estaduais possui uma remuneração mensal de cerca de R$5.500,00 mais os benefícios do cargo.

Agora aos interessados resta aguardar a aprovação.

Sirlene Montes

SEFAZ-GO prepara Novo Concurso para Técnico Fazendário 2017

Seleção deve contar com 200 vagas. Salários podem chegar a R$ 15 mil.

A Secretaria da Fazenda do Estado de Goiás (Sefaz/GO) estará promovendo a realização de um novo concurso público com vagas para o cargo de técnico fazendário estadual. A nova seleção pública foi anunciada no último dia 8 pelo próprio secretário estadual da fazenda. De acordo com Navarreta (secretário), o próximo concurso público terá a finalidade de garantir o preenchimento de 200 vagas. Abaixo você poderá acompanhar todos os detalhes. Confira!

Formação exigida

Os candidatos interessados em concorrer para alguma das vagas precisa contar com formação de nível superior em qualquer área de conhecimento. A remuneração oferecida para a função é de R$ 15 mil. A jornada de trabalho é de 40 horas por semana. Porém, há a informação de que o cargo tem um salário inicial de R$ 2.000. O valor anterior é para quem já está no topo da carreira.

Até o presente momento a informação é de que o processo que envolve o concurso se encontra no Conselho Estadual de Políticas Salariais. O edital está previsto para ser lançado em breve.

A carreira

Conforme o que se encontra disposto na Lei 13.738 de 2000, o técnico de fazendário estadual terá que realizar tarefas ligadas à administração de materiais e recursos humanos. Executar atividades relacionadas ao exame e conferência de documentos que, por sua vez, serão utilizados no setor contábil do estado. Exercer e acompanhar o controle da arrecadação assim como as aplicações financeiras. Elaborará demonstrativos. Executará tarefas de apoio fiscal. Prestará informações e se manifestará em processos administrativos. Fiscalizará serviços de loteria. E executará atividades de arrecadação de tributos estaduais em órgãos da fazenda.

Também comporão suas atividades a execução, o desenvolvimento, o acompanhamento e o controle de atividades em relação a arrecadação. Essas ações serão em sua grande parte realizadas por meio do sistema informático da Sefaz, bem como por meio de outros meios similares.

Ainda fazem parte de suas atribuições o controle e a execução de serviços que estejam relacionados com a instalação, manutenção e atualização dos sistemas de informática. Sobre este aspecto também será de sua alçada a manutenção e o cadastro dos equipamentos de informática. Por fim, ele supervisionará a execução dos contratos de serviços de informática que venham a ser executados por terceiros.

Denisson A. Soares

Concurso SEFAZ-RS 2017 – Vagas e Inscrições

Seleção oferece 50 vagas com salários de até R$ 21,5 mil.

Para todos os concurseiros de plantão que moram no estado do Rio Grande do Sul ou até mesmo para quem está desempregado e procurando uma nova recolocação no mercado de trabalho, uma excelente notícia: o processo de abertura de um concurso público para a Secretaria da Fazenda para o cargo de auditor fiscal está tramitando no órgão e em breve será anunciado o edital.

O auditor será lotado na Controladoria e Auditoria Geral do Estado do Rio Grande do Sul e espera-se que sejam liberadas 50 vagas, além de outras para cadastro de reserva.

O salário para esse cargo será por volta de R$ 21,5 mil e os selecionados receberão ainda os demais benefícios trabalhistas do serviço público federal brasileiro.

A previsão para publicação do esperado edital ainda será em 2017.

Segundo algumas fontes ligadas a Sefaz, existe um déficit de pessoal, especialmente de auditores fiscais, pois os que estão na ativa estão muito sobrecarregados devido a alta demanda de serviço no estado.

O cargo exige curso superior em ciências contábeis, ciências econômicas, ciências jurídicas e sociais ou administração de empresas. Suas principais atribuições são lavrar termos, intimações, autos de apreensões, notificações diversas sempre baseadas na legislação vigente, além de ser responsável por todo o processo de ação, execução e auditoria fiscal dos contribuintes de pessoa física ou jurídica de qualquer natureza.

O último concurso da Secretaria da Fazenda foi realizado em 2014 sob a organização da banca organizadora Fundatec e foram oferecidas 30 vagas com salários de R$ 9.460,00, para uma carga horária de 20 horas semanais. Os candidatos fizeram provas objetivas com 200 questões de auditoria, contabilidade, administração, língua portuguesa, economia, direito, matemática financeira e conhecimentos específicos.

Uma boa dica para os concurseiros é que eles podem estudar baseando-se nas provas de concursos anteriores, pois isso ajuda e muito.

Não deixe essa oportunidade ter um excelente salário, estabilidade, além de uma aposentadoria especial, passar em branco. Fique atento quanto ao edital, que pode ser publicado a qualquer momento.

Boa sorte no processo!

Rodrigo Souza de Jesus

SEFAZ-BA deve realizar Novo Concurso para Fiscal em 2017

Previsão é de que sejam ofertadas 60 vagas. Oportunidades deverão ser para o cargo de Auditor Fiscal de Rendas.

Para quem vive no Estado da Bahia e está à procura de um emprego estável ainda no ano de 2017, a Secretaria Estadual da Fazenda que opera na Bahia irá realizar um novo concurso público.

Na realidade, a realização desse concurso estava programada para acontecer ainda durante o ano de 2016, mas em razão da forte crise econômica que assolou o Brasil, pela questão de contenção dos gastos, ele foi adiado para o ano de 2017.

Contudo, devido a uma grande necessidade de pessoal, o concurso não pode ser mais adiado, tornando assim a sua realização imprescindível.

Como ainda não há um edital publicado, o que existem em relação ao concurso são previsões. Dessa forma, a previsão inicial é de que sejam disponibilizadas para a concorrência o total de 60 vagas.

Todas as vagas ofertadas são para o cargo de auditor fiscal de rendas. Para concorrer é preciso possui formação superior (independente da área). Para cumprir uma jornada de trabalho semanal de 30 horas o salário inicial é no valor de R$ 8.456,19, podendo chegar a R$ 18 mil, com a soma de todos os benefícios e complementos.

A necessidade de um novo concurso da Secretaria Estadual de Fazenda do estado da Bahia se dá em decorrência de o último concurso para a contratação de novos colaboradores ter ocorrido há 12 anos.

Na ocasião, também foram disponibilizadas o montante de 60 vagas, distribuídas para as áreas de administração, controle interno, finanças e tecnologia da informação.

A empresa organizadora do concurso do ano de 2014 foi a Fundação Carlos Chagas, que publicou o edital, abriu um período de inscrições e desenvolveu e aplicou as provas, divulgando assim os resultados finais.

Ainda não foi anunciado qual a empresa que será responsável pela realização do certame. Mas a já é garantida a sua realização ainda neste ano de 2017.

A partir de agora cabe a Secretaria contratar a empresa organizadora que tomará as primeiras decisões para que o concurso seja realizado.

Dessa forma, se você se interessou e pretende prestar esse concurso, a recomendação é de que você já comece a se preparar, pois a previsão é de ele possa ser realizado no segundo semestre de 2017.

Sirlene Montes

Concurso SEFAZ-RR 2017 – Realização depende da Decisão do Governo

Certame deverá ter 5 vagas para o cargo de Fiscal de Tributos, além de cadastro reserva.

Já está confirmado a realização do novo concurso da Secretaria da Fazenda do Estado de Roraima. Aliás, os estudos que antecedem a realização do curso já estão concluídos e evidenciaram a necessidade da realização de um novo concurso.

Com a conclusão final que viabiliza a realização de um concurso novo da Sefaz de Roraima, o próximo passo agora está dependendo da decisão que deve vir do Governo Estadual de Roraima.

De acordo com informações cedidas pelos servidores que participaram da comissão que constatou a necessidade urgente de um novo processo seletivo, será necessário a criação de mais 5 novos cargos para atuação na função de fiscal de tributos estaduais, além de mais 28 oportunidades que serão para eventuais contratações durante o período de quatro anos.

Assim, cabe agora a Governadora do Estado, Suely Campos, decidir fazer ou não o concurso. Porém, ela já tem conhecimento do fato da necessidade de pessoal que a Secretaria atualmente possui e também já foi informada que pelo menos essas cinco vagas para fiscal sejam disponíveis no novo certame, pois não são cargos novos, na realidade são para repor profissionais em vagas que já existem, o que significa que não haverá um aumento nos gastos.

Agora em relação às 28 vagas para reserva dos quatro anos próximos, esse número não é confirmado, podendo sofrer alterações.

De qualquer modo, para concorrer ao cargo de fiscal de tributos estaduais, o candidato precisa ter formação de nível superior, independente da área.

No último concurso, realizado no ano de 2016, só puderam se inscrever candidatos com formação superior nas áreas de economia, direito, administração e ciências contábeis, mas até agora não se falou sobre essa questão.

Na ocasião, para o cargo de fiscal de tributos estaduais o salário inicial era proposto no valor de R$ 5.482,09, acrescentados de benefícios e vantagens sobre produtividade. A carga horária para desempenho das atividades de fiscal é de 40 horas por semana.

Dessa forma, se você está aguardando a oportunidade de prestar um concurso, comece a se preparar, pois o novo concurso da Secretaria da Fazenda do Estado de Roraima, assim que autorizado pela governadora, deve acontecer ainda neste ano.

Sirlene Montes

Concurso SEFAZ-CE 2017 – Edital em Breve

Edital do novo certame deverá ser divulgado até o fim de 2017. Oportunidades serão para os cargos de Auditor Fiscal e Analista.

Para quem sempre sonhou com um cargo de auditor fiscal na sua própria cidade, o ano de 2017 promete ser de grande oportunidade para estes candidatos. E para quem mora no Ceará, principalmente, pois a Secretaria da Fazenda do Estado já sinalizou com a possibilidade da realização de concurso público para o preenchimento de vagas que deverão surgir para o cargo.

Além de auditor, o órgão já declarou que deverá ser realizado também uma seleção para outros cargos como analista do setor de tecnologia, analista jurídico e da área financeira contábil. Assim como o de auditor, estes demais cargos exigirão formação de nível superior. Segundo a própria Secretaria, o último concurso foi realizado no ano de 2007 e agora, a necessidade da criação de novas vagas se faz necessário com o objetivo de se melhorar e aperfeiçoar a arrecadação estadual e para suprir os funcionários que irão se aposentando naturalmente.

Já aprovado pela Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, para a realização do certame deverão ser gastos cerca de R$ 100 mil reais, que já constam do orçamento estadual que já foi votado e aprovado pela casa.

Segundo dados divulgados pela Secretaria da Fazenda (Sefaz), no último concurso foram ofertadas um total de mais de 250 vagas, destas, cerca de 150 foram destinadas ao cargo de auditor e o restante distribuídas entre os demais cargos de analistas.

Na realização do concurso previsto, os candidatos deverão ser submetidos a provas escritas sobre conhecimentos gerais e sobre assuntos específicos para cada cargo. As provas deverão ser elaboradas em regime de múltipla escolha.

Para o cargo de auditor, caso seja aprovado, o candidato deverá desempenhar as funções inerentes ao cargo como o levantamento de informações de dados econômicos de contribuintes e sua análise junto ao órgão, assim como participar de diligências e ações de fiscalização a fim de garantir o correto recolhimento dos tributos estaduais de acordo com o regime de tributação de cada empresa ou pessoa física. Além disto, ele pode participar da elaboração de relatórios econômicos-fiscais que podem servir de base para a o diagnóstico da arrecadação fiscal estadual junto ao governo do estado e para fins criminais contra as possíveis sonegações de impostos junto ao próprio fisco.

Emmanoel Gomes

SEFAZ-SP prepara Novo Concurso Público para Agente Fiscal de Receitas

Pedido para realização do certame já foi enviado para a Secretaria Estadual de Gestão Pública e o edital deve ser divulgado em breve.

A Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo (SEFAZ-SP) deve publicar edital visando ao preenchimento de 435 vagas para o cargo de Agente Fiscal de Receitas. O pedido para a realização do concurso já foi enviado para a Secretaria Estadual de Gestão Pública (SGP/SP). Para concorrer à oportunidade é necessário ter nível superior em qualquer área e a remuneração inicial corresponde a R$ 9.914,09.

A expectativa é que as nomeações dos classificados ocorram em 2017 e a autorização para o concurso será enviada para o Governador do estado de São Paulo. O último concurso realizado pelo Órgão foi em 2012 e na ocasião contou com 885 vagas, sendo divididas da seguinte maneira: 782 para o cargo de gestão e 103 para tecnologia de informação. Com os benefícios, a remuneração pode chegar a R$ 18.135,65.

Como a organizadora ainda está definida, que tal começar os seus estudos com base na publicação do último edital, que foi organizado pela Fundação Carlos Chagas (FCC)? Você pode começar a programar os seus estudos, por meio da divulgação do último documento, que pode ser acessado através deste link: http://www.concursosfcc.com.br.

Este é um dos certames mais cobiçados do País, por isso, não perca tempo e inicie a sua preparação, para ganhar tempo e chances reais de classificação. Como começar a estudar?

Invista em um curso preparatório para concursos públicos online ou presencial. É necessário ter direcionamento e os professores sempre ensinam boas dicas, para facilitar o aprendizado no conteúdo.

Tenha hábito de estudo e muita disciplina. Organize a sua rotina por meio de um quadro de horário e cumpra o seu planejamento com as matérias. Além disso, organize o seu estudo por meio de teoria, revisão e muitos exercícios, sobretudo da banca específica do seu concurso.

Você sabia que muitas provas têm conteúdos parecidos? Por isso, se durante o seu estudo surgir um outro concurso que tenha as disciplinas parecidas, por que não tentar? Já imaginou se você consegue a sua aprovação?

Durante a rotina, procure ter uma alimentação equilibrada, exercícios físicos e força de vontade. Mantenha sempre na mente os motivos pelo qual está estudando e confie no seu potencial, a fim de conquistar o seu objetivo.

Por Babi

Concurso Sefaz/RJ 2015 para auditor aguarda nova autorização

A expectativa é que sejam abertas 100 vagas com salário de R$ 13.186,76

Para quem está estudando há um bom tempo para um dos maiores e mais esperados concursos públicos do estado do Rio de Janeiro, sabe que não foi muito boa a notícia da suspensão do certame que seria promovido pela Secretaria da Fazenda (Sefaz) do estado do Rio de Janeiro. No entanto, a boa notícia é que há uma expectativa para que logo o edital seja reaberto e os candidatos possam participar do evento e, quem sabe, garantir a sua vaga em um dos concurso públicos mais disputados e que promete pagar ótimo salário para os aprovados e contratados.

Com base no antigo edital, que foi suspenso, a proposta da Sefaz é contratar um total de 100 vagas para o cargo de Auditor Fiscal da Fazenda, com um salário de R$ 13.186,76, em jornada de trabalho não explicitada.

Ainda não se sabe se caberá à Fundação Carlos Chagas ser a responsável pelo certame, mas, independente disso, é bom mesmo ir se preparando para as provas que virão exigindo de cada candidato muitos conhecimentos gerais e específicos nas provas.

Em caso de aprovação, é importante saber que as funções de um Auditor Fiscal dentro da Secretaria da Fazenda é observar as atividades de tributação, arrecadação, fiscalização, cadastro, planejamento e informações econômico-fiscais da Secretaria de Fazenda e dar as garantias para o ingresso, nos cofres públicos, de todos os recursos para movimentação da máquina estatal e dos investimentos em todas as esferas do poder público.

O antigo edital pode dar umas noções por onde o candidato deve estudar, informando que serão cobradas as disciplinas Língua Portuguesa, Língua Inglesa, Administração e Informática, Contabilidade Geral, Contabilidade de Custos e Auditoria, e Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Civil e Direito Penal. Também haverá cobrança de conteúdos em Direito Empresarial/Comercial, Economia e Finanças Públicas, Matemática Financeira, Estatística e Raciocínio Lógico, Direito Tributário, Legislação Tributária e Legislação das Receitas não Tributárias.

Para se manter informado sobre a reabertura do novo concurso Sefazr/RJ, é importante os interessados sempre acessarem o site do Diário Oficial do Rio de Janeiro (http://www.imprensaoficial.rj.gov.br/portal/) e obter as informações de que precisa sobre período de inscrição, valor da taxa de inscrição e data das provas. No mais, é só continuar estudando e se preparar ao máximo.

Por Michelle de Oliveira