Concurso Previdência Social 2015 abre 40 vagas

Milhares de brasileiros sonham em conquistar uma vaga através dos concursos públicos oferecidos no decorrer do ano. Quanto mais benefícios existem em uma proposta, maior é a concorrência entre os candidatos.

É possível afirmar que o concurso público oferecido pela Previdência Social  está na lista dos mais esperados e dos mais concorridos do país, pois os aprovados podem receber o salário superior a 6 mil reais.

Nesse momento, é preciso ressaltar que já está aberto o edital de número 01/2014, na qual o mesmo tem como principal objetivo realizar a contratação efetiva de 40 profissionais. De acordo com as informações do certame, as ofertas de trabalho são direcionadas para pessoas de nível médio e de nível superior.

As propostas de trabalho oferecidas pela Previdência Social são para atuar nas seguintes funções:

Nível médio: Administrativo – Tecnologia da Informação.

Nível superior: Análise e Tratamento de Dados, Análise de Investimentos, Análise de Comprovante de Repasse e Parcelamento, Análise de Demonstrativos Contábeis, Análise de Legislação Previdenciária, Cálculo Atuarial, Tecnologia da Informação, Financeira e Contratações.

Caso tenha interesse em atuar em um dos cargos que foram mencionados acima, informamos que as inscrições do concurso estarão sendo recebidas até o dia 30 de janeiro de 2015. Os interessados deverão acessar o site da empresa responsável pela seleção clicando aqui .

Existe a cobrança de uma taxa que é obrigatória. O valor que deverá ser pago para participar do processo seletivo varia de acordo com a função de interesse, sendo de R$ 55,85 a R$ 62,83.

As pessoas que forem aprovadas vão receber o salário no valor que vai varia entre R$ 1.700,00 e R$ 6.130,00. Os novos funcionários vão trabalhar durante 40 horas semanais e todos terão direito ao auxílio-refeição, auxílio transporte e auxílio pré-escola.

O dia da realização do processo seletivo ainda vai ser divulgado no mesmo site indicado acima. Estude e esteja bem preparado para conseguir a vaga que tanto almeja. 

Por Yasmin Fernandes Robles