Concurso SAA/SP 2015 aguarda autorização para 507 vagas

As oportunidades serão para diversos níveis de escolaridade

Depois de 12 anos sem realizar nenhum tipo de concurso público, agora a Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento de São Paulo (SAA/SP) tem o objetivo de promover um novo edital que visa contratar pessoas que vão ajudar na melhoria de alguns setores. De acordo com as informações do órgão, a SAA/SP aguarda autorização para abrir o total de 507 vagas para atuar em diversos cargos.

Serão 15 vagas direcionadas para candidatos que possuem o ensino fundamental incompleto, 26 vagas para aqueles que concluíram o ensino fundamental, 289 propostas para candidatos de nível médio e 177 para aqueles que já concluíram a graduação.

Esse pedido de autorização do concurso público foi encaminhado no final do ano de 2014 para a Secretaria Estadual de Gestão Pública (SGP/SP).

O documento ainda não foi liberado, pois está sendo feita a analise das condições orçamentárias. Somente após realizar esse procedimento, a proposta será direcionada para o governador do estado, o Geraldo Alckmin.

Ainda não existe nenhuma previsão de quando essa haverá a autorização dessa seleção, e o motivo é a contenção de gastos que o Governo de São Paulo está vivendo. Para liberá-lo nesse momento seria uma grande responsabilidade.

Mas vale destacar que, caso esse concurso seja autorizado, o salário inicial será de R$ 928, podendo chegar a R$ 4.173,85, mais os benefícios que são vale-transporte, vale-refeição e etc.

Cargos:

As vagas para o nível fundamental incompleto são para atuar na função de auxiliar de apoio agropecuário. Já as vagas para o nível fundamental são para o cargo de oficial de apoio agropecuário. Em ambos os casos é necessário experiência anterior.

As ofertas de nível médio são para atuar nas atividades de agente de apoio agropecuário, oficial administrativo, oficial de apoio à pesquisa científica e tecnológica, técnico de apoio agropecuário e técnico de apoio à pesquisa científica e tecnológica.

Os cargos de nível superior são para as funções de analista administrativo, analista sociocultural, assistente agropecuário, assistente técnico de pesquisa científica e tecnológica, engenheiro  e etc. 

Por Yasmin Fernandes Robles

Diretores pedem autorização de concurso da Anvisa 2015

A expectativa é que a seleção seja ainda no ano de 2015

No dia 19 de março, os diretores da ANVISA se reuniram na Câmara dos Deputados durante uma audiência, onde falaram sobre o défict de pessoal do órgão, que teve um aumento de demanda bem considerável em relação aos últimos anos. Foi comentado também a dificuldade de criar novas vagas para o setor.

Cada vez mais o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão é interrogado para promover a liberação da autorização e atender a necessidade da abertura de vagas.

No último, concurso realizado em 2013, foram contratados 300 novos servidores onde os setores puderam contar, a partir de então, com o novo cargo de supervisão para maior administração da demanda. A remuneração atual do cargo é de R$ 5.689,52 inicial e contratação estatutária.

A autorização para o edital do concurso foi encaminhada em junho de 2014 e, no momento, depende apenas da autorização do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, MPOG.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária, ANVISA, ainda ressalta a preferência para que o aval saia este ano com seleção ainda em 2015. As vagas solicitas serão para a área administrativa, com nível técnico, para a região de Brasília, no Distrito Federal, com o objetivo de acabar com os contratos de terceirização que ainda existem. As provas geralmente são aplicadas em todo o país, independente do local de alocação das mesmas.

O método avaliativo é desenvolvido pelo próprio órgão, junto ao Cetro Concursos. No último edital, o processo seletivo contou com testes objetivos e testes discursivos. Os temas que compuseram a prova eram: língua portuguesa, raciocínio lógico e quantitativo, direito constitucional, administração, ética, administração pública, vigilância sanitária, saúde pública e conhecimentos específicos.

Para aqueles que desejam se candidatar, o ideal é começar a estudar todas estas matérias, pois as vagas são bem concorridas. Verifique simulados online e acompanhe também o tempo que leva para responder as questões.

Por Bruna Domingos dos Santos

Concurso TRT-MG 2015 terá edital em breve

As oportunidades serão para nível médio e superior de escolaridade

O Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região, em Minas Gerais, está aguardando o fechamento do contrato com a banca organizadora para decidir sobre o cronograma do concurso público, a divulgação do edital e o período das inscrições. É esperado que estes últimos ajustes de contrato terminem em breve. Depois disso, será anunciada a data em que começarão as inscrições do certame. A organizadora escolhida é a Fundação Carlos Chagas.

Está previsto que será disponibilizado a modalidade de cadastro reserva para as funções de analistas e técnicos. A autorização do concurso público está sendo esperada desde o dia 17 de julho de 2014.

O requisito para se inscrever no posto de técnico é ter nível médio de escolaridade. No cargo de analista, é essencial que os candidatos tenham concluído o ensino superior, com curso de especialização no ramo a ser exercido.

Para a função de analista, os rendimentos mensais serão de R$ 8.118,19 e na profissão de técnico, o salário é de R$ 4.947,95.

O último concurso público aconteceu no ano de 2009, tendo a Fundação Carlos Chagas como a banca organizadora. No cargo de analista, as vagas foram destinadas para os seguintes setores: judiciário, tendo a finalidade de desempenho de mandatos; área administrativa com experiência no ramo de contabilidade; analista judiciário; engenharia elétrica; analista judiciário; medicina; psiquiatria; odontologia; pediatria; serviço social; fisioterapia; enfermagem.

No posto de analista, as oportunidades foram oferecidas nos ramos: administrativo, tecnologia da informação e contabilidade.

Os profissionais que optaram pela função de analista no setor administrativo, realizaram, um teste com 20 perguntas de língua portuguesa, 40 referentes às noções específicas e uma avaliação discursiva. Nas outras áreas de analistas, os candidatos foram submetidos a um exame com 20 questões de noções da atualidade e 20 referentes às noções específicas da profissão.

No cargo de técnico, as pessoas fizerem uma avaliação com 30 perguntas de português e 30 referentes à atualidade. 

Por Felipe Couto de Oliveira

Concurso DPU 2015 tem edital confirmado para o mês de março

O número de vagas ainda não foi confirmado, mas oportunidades serão para nível médio e superior

A Defensoria Pública da União ( DPU) deve divulgar edital ainda este mês. O edital vai abranger oportunidades para nível médio e superior e, possivelmente, terá muitas vagas, além da formação de cadastro reserva. O concurso, provavelmente, terá provas em todas as capitais e a expectativa é que o Rio de Janeiro seja contemplado com a maior parte das vagas.

Para concorrer ao cargo de agente administrativo, é preciso ter nível médio e a remuneração inicial é de R$ 3.191,02.

Os candidatos que têm nível superior poderão concorrer para os seguintes cargos: analista (com a formação superior exigida podendo ser em qualquer área), arquivista, assistente social, bibliotecário, contador, economista, psicólogo, sociólogo, técnico em assuntos educacionais e técnico em Comunicação Social (Jornalismo, Relações Públicas e Publicidade e Propaganda). A remuneração inicial é de R$ 4.620,82.

A organizadora do concurso será o Cespe/Unb e a taxa de inscrição será de R$ 70,00 para o nível médio e R$ 100,00 para superior. Os interessados em ingressar na carreira pública podem aproveitar essa oportunidade e organizar uma rotina de estudo.

Estudar para concurso público exige determinação, foco e objetivo. Portanto, o melhor momento para começar os estudos é agora, que o edital ainda não foi publicado.

Para direcionar, o candidato pode ter como base o último edital do certame. É o seu primeiro concurso? Se for, é recomendado que você faça um curso online ou presencial específico para o DPU para conhecer as matérias e ficar por dentro das dicas dos professores. Mas, os interessados podem escolher outras alternativas de estudo como, por exemplo, livros ou materiais em PDF.

Faça uma planilha com os itens que serão estudados no dia a dia e cumpra o seu planejamento. O estudo deve ser prioridade em sua vida e não desista até chegar aonde realmente deseja na carreira pública. Sucesso e muita sorte no concurso do DPU.

Gostou das dicas? 

Por Babi

SELJ/SP 2015 pede autorização para concurso com 417 vagas

A previsão é que sejam abertas 417 vagas

Ainda neste ano, a Secretaria Estadual de Esportes, Lazer e Juventude de São Paulo pretende realizar um concurso público que terá como meta o preenchimento de oportunidades em três carreiras. Ao todo, estão sendo disponibilizadas 417 chances para o quadro de pessoal, destas, 200 são para pessoas que tenham interesse em ocupar uma vaga no cargo de analista sociocultural, 200 para oficial administrativo e 17 para executivo público.

Quem quiser participar do certame público, precisará contar com ensino médio ou superior completo. O nível de escolaridade depende do cargo pretendido.

Para o posto de oficial exige-se que o candidato possua ensino médio finalizado. Já para analista, é requerida a conclusão em um curso superior em áreas específicas. O cargo de executivo requer do participante ensino superior completo em qualquer área do conhecimento.   

Atualmente, o projeto do concurso tramita na Secretaria Estadual de Gestão (SGP- SP). Ao longo desta etapa são feitas verificações orçamentárias e financeiras. Após esta fase, é encaminhada para análise e autorização do Governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin.  

Os salários dos novos contratados oscila de acordo com a função, variando entre R$ 1.118 e R$ 1.308 para o cargo de oficial administrativo, entre R$ 2.320,84 e R$ 4.161,23 para analista e de R$ 3.626,23 à R$ 4.161,23 para executivo.

O último certame realizado com o intuito de lotar vagas para o posto de oficial foi feito pela Polícia Militar de São Paulo. Nesse concurso, em 2014, quem ficou a cargo foi a Fundação Vunesp.

A avaliação dos candidatos constava de 50 questões de múltipla opção que cobravam conhecimento de matemática, língua portuguesa, informática e legislação.

Já para executivo, o último processo seletivo foi feito em 2013 para a Secretaria de Estado Penitenciária (SAP- SP). Da mesma forma que o concurso para oficial, ele foi executado pela Vunesp e a prova que avaliou os candidatos constava de 80 questões sobre conhecimentos gerais, raciocínio lógico e língua portuguesa.  

Por Melina Menezes

Concurso Polícia Civil/SP 2015 poderá ter edital em breve

A previsão é que sejam abertas mais de 3 mil vagas para nível médio e superior

A Polícia Civil do estado de São Paulo (PC/SP) está se programando para realizar uma série de seleções ainda no ano de 2015, pois no final do ano passado foi encaminhada uma solicitação para a Secretaria Estadual de Gestão Pública.

Essa solicitação visa o preenchimento de 3.176 vagas dos quais serão disponibilizadas das seguintes formas:

– Para aqueles que possuem o ensino médio, a previsão é de 851 vagas, das quais serão disponibilizadas 249 vagas para agente policial, 54 vagas para atendente de necrotério, 136 vagas para auxiliar de papiloscopista, 72 vagas para papiloscopista policial, 252 vagas para agente de telecomunicações, 36 vagas de auxiliar de necropsia, 11 vagas para desenhista técnico e 41 vagas para fotógrafo técnico pericial.

– Para aqueles que optarem pelos cargos de agente policial, atendente de necrotério e auxiliar de papiloscopista a remuneração é de R$ 3.336,86, já incluindo o adicional de insalubridade no valor de R$ 543,26, enquanto que para os cargos de papiloscopista, agente de telecomunicações, auxiliar de necropsia, desenhista técnico e fotógrafo, o salário é de R$ 3.995,04, já com o adicional.

Outra coisa é com relação aos cargos acima, no qual a diferença se refere justamente à lei complementar 1.249, que foi sancionada pelo governador Geraldo Alckmin na data de 3 de Julho de 2014, que realiza a alteração da escolaridade dos cargos de agente, atendente de necrotério e auxiliar de papiloscopista de ensino fundamental para médio, sem ser compatível com a alteração salarial.

Já para os candidatos que apresentam ensino superior, serão 2.325 vagas, dos quais 922 vagas são direcionadas para o cargo de escrivão de polícia, 985 vagas para investigador de polícia, 68 vagas para médico legista, 129 vagas para perito criminal e 221 vagas para delegado de polícia.

Para os cargos de investigador e escrivão, a remuneração inicial de R$ 4.018,16, para legista e perito o valor é de R$ 8.510,24, enquanto que, para delegado, essa remuneração fica em R$ 8.795,85.

Para qualquer um dos cargos descritos acima, independente se a formação é no nível médio ou senão no nível superior, a carga horária é de 40 horas semanais.

Por Fernanda de Godoi

Edital do concurso da DPU será publicado em breve

Foi publicado no Diário Oficial da União o extrato do contrato entre a Defensoria Pública da União (DPU) e a banca Cespe/UnB, organizadora do certame. Depois deste passo, o edital deve ser publicado em pouco tempo, por isso, os interessados devem manter o foco e intensificar os estudos.

O concurso vai contemplar tanto o nível médio quanto superior. Um dos principais cargos é o de Agente Administrativo, que exige nível médio para concorrer. A remuneração inicial é de R$ 3.191,02. Além do cargo de nível médio, este certame também terá oportunidades para nível superior nas áreas de Analista Técnico Administrativo Arquivista, Assistente Social, Bibliotecário, Contador, Economista, Psicólogo, Sociólogo, Técnico em Assuntos Educacionais e Técnico em Comunicação Social (Jornalismo, Relações Públicas e Publicidade e Propaganda).

Além disso, para o cargo de Analista Técnico Administrativo, também, poderá concorrer quem tem graduação em qualquer curso de formação. A remuneração inicial para a função é de R$ 4620,82. As taxas de inscrição para este certame será de R$ 70,00 para o nível médio e R$ 100,00 para o nível superior.

A expectativa é que o edital seja publicado em poucos meses, por isso, os interessados devem manter firme nos estudos e focar na banca Cespe/UnB, que é a organizadora do certame. Desta forma, o candidato deve estudar com base no edital anterior e fazer uma planilha com o conteúdo do cargo.

O cronograma deve ser semanal, para que o candidato possa ir acompanhando a sua evolução nos estudos. Além disso, ele deve focar no estudo teórico, revisão e fazer muitos exercícios da banca Cespe/UnB.

Este é o melhor momento para começar os estudos, porque o edital ainda não foi publicado. O candidato vai poder estudar os conteúdos com calma e ir assimilando o conhecimento. Depois da publicação, ele deve ajustar o cronograma e manter a dedicação, para conseguir uma boa classificação no certame.  

Por Babi

Concurso TCE-CE 2015 terá edital em breve

Mais uma oportunidade está por vir para os concurseiros do estado do Ceará. Trata-se do Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE-CE) que deve lançar o edital nos próximos dias. O  concurso público irá preencher 47 vagas que irão reforçar o quadro de servidores, além de formação de cadastro de reserva.

No dia 15 de janeiro foi divulgado no Diário Oficial do Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE-CE) a dispensa de licitação de pregão, desta forma, a Fundação Carlos Chagas foi a escolhida como organizadora do certame.

Das 47 vagas, 35 delas são para Analista de Controle Externo, 10 para Técnico de Controle Externo, uma para Conselheiro Substituto (Auditor) e outra para Procurador de Contas.

O salário inicial é composto do vencimento, gratificações (fixa e variável) e o adicional por titulação. O servidor fará parte do Plano de Cargos e Carreira do TCE, cujo desenvolvimento ocorre por meio da promoção e progressão, de acordo com as Leis 13.783/2006 e 15.330/2013. 

A remuneração para procurador é de R$ 26.589,68 e de auditor é de R$ 25. 260,20. Já o técnico de controle externo receberá salários de R$ 6.278,54, sem adicional de titulação. Por fim, o cargo de analista de controle externo, cujo salário inicial é de R$ 7.879,57 sem adicional refrente à titulação.

A jornada de trabalho de analistas e técnicos de controle externo é de 30 horas por semana. Em ambas as funções há o adicional de auxílio alimentação, atualmente no valor de R$ 350,00 por mês.

Cabe ao Plenário do Tribunal de Contas do Estado do Ceará determinar por meio de Resolução a especialidade e as demais orientações para concorrer aos cargos de Analista de Controle Externo criados pela Lei nº 15.636, de 20/6/14.

O texto do edital encontra-se em fase de elaboração, o qual será encaminhado aos gabinetes para apreciação e uma futura votação do colegiado.

Por Ana Rosa Martins Rocha

Quer conquistar a sua vaga? Acredite em você!

Está pensando em estudar para concurso público? Independente do tipo do certame que vai fazer, comece acreditando em você. Os seus amigos podem não acreditar que será capaz de passar, assim como os seus familiares, mas é importante que você acredite no seu potencial para conseguir a aprovação em qualquer cargo.

Quer passar no Tribunal de Contas da União? Tribunal de Justiça? Tribunal Regional do Trabalho? Qual você quer? Não importa qual o seu concurso e a quantidade de vagas, é preciso que você acredite que vai passar.

Durante o estudo, não perca tempo com pensamentos negativos ou se lamentando, pelo contrário, gaste energia construindo o seu conhecimento, estudando da melhor maneira que puder e dando o seu melhor, e, principalmente, acreditando que vai passar. Dê o seu melhor, para que os frutos possam ser colhidos.

Tenha confiança na vida e seja otimista, acreditando que as coisas vão dar certo. E elas darão! Não ligue para opiniões negativas e siga a sua intuição.

É preciso ser forte, porque, durante o estudo, muitas pessoas não vão te apoiar e vão tentar te jogar para baixo. Porém, mantenha a fé em si mesmo e a sua autoconfiança, porque você é capaz de passar em qualquer concurso público.

Comece o ano de 2015 acreditando no poder que possui, estude com garra e mantenha o pensamento positivo para atrair coisas boas. Faça a sua parte e caminhe com determinação e muita confiança.

Não permita que ninguém atrapalhe os seus sonhos e os seus objetivos, porque você é capaz de chegar lá. Faça metas e planeje os seus estudos com muito carinho, e comece a caminhar acreditando na sua capacidade e determinação. Acredite em você e jamais perca a fé que possui.

Lembre-se de que os resultados aparecem para quem planta. Portanto, comece 2015 acreditando em você e na sua vitória. Boa sorte!

Por Babi

Concurso Bando do Brasil 2015 tem edital previsto para início de 2015

Alberto Augusto Neto, diretor de gestão de pessoas do Banco do Brasil, informa que já para o início de 2015 serão abertas inscrições para Escrituário. O cargo, que pagará R$ 3.134,78 de remuneração, onde R$ 2.227,26 são vencimentos, R$ 397,56 cesta-alimentação e R$ 509,96 de vale-refeição, exige apenas ensino médio completo.

E você ainda tem como benefício a possibilidade de ascensão e desenvolvimento profissional, além de participação nos lucros.

O concurso ocorrerá em duas fases: a primeira terá edital publicado no início do ano e sairá para os estados do Acre, Amapá, Amazonas, Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Paraíba, Paraná, Pernanbuco, Piaui, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina e Sergipe.

Essas regiões, que tem prazo do último concurso que expira em 16 de abril de 2015, farão o concurso primeiro.

A segunda fase do concurso, que terá edital aberto em meados de 2015, abrangerá as regiões do Rio do Janeiro, parte do estado do Amazonas, Espirito Santo, parte do estado de Minas Gerais, Rio Grande do Sul e parte do estado de Santa Catarina, o concurso anterior para essas regiões expira em setembro de 2013.

O diretor de gestão de pessoas do Banco do Brasil diz que a instituição não esperará que o concurso anterior expire para abrirem novas vagas. As expectativas de contratação giram em torno de 3 mil funcionários por ano.

O foco do Banco do Brasil é a valorização do funcionário, o que leva muitos concurseiros a prestarem o concurso da instituição.

E você está esperando o quê para começar a estudar? Antecipe seus estudos e saia na frente!

Mas, como? O edital do último concurso pode ajudar na maioria das vezes, pois o conteúdo do edital atual não é muito diferente do anterior.

O que pode ser novidade é a inclusão das disciplinas de Raciocínio Lógico e Redação, além do inglês. Mas nada para se preocupar.

Então, não perca tempo e saia na frente.

Por Mariana Josceni Treska

Concurso DP-PE 2014 será realizado em breve

Você já pensou em se tornar um Defensor Público e trabalhar diariamente com a finalidade de defender a população carente? Tenho certeza de que, se você é formado em Direito e gosta de advogar, certamente já deve ter pensado nessa possibilidade e, acredite, é uma profissão linda e bem atraente, além de ter uma ótima remuneração.

No momento temos a banca organizadora escolhida, a qual será o Centro de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB). Ao todo há 20 vagas para o cargo de Defensor Público no estado de Pernambuco e a remuneração inicial no cargo é de R$ 10.182,29. Assim, se você quer ser um defensor, fique atento, pois o edital será divulgado ainda este ano e as provas estão previstas para acontecer em janeiro do próximo ano.

O fator principal nesse momento é ter uma base das principais disciplinas jurídicas e um bom português para a prova subjetiva. Contudo, se você ainda não está neste nível não desanime, pois é possível conseguir aprovação pelo fato de o edital ainda não ter sido divulgado. Mas, lembre-se de que nesse caso você terá de abrir mão de alguns finais de semana, bem como estudar por período integral e focar no que a banca examinadora gosta de cobrar.

A letra da Lei também é primordial para quem deseja fazer uma boa prova. O estudo de Súmulas e julgados dos Tribunais Superiores também pode fazer a diferença. E não se preocupe com a quantidade imensa de matérias. O estudo das disciplinas jurídicas não é difícil, porém, exige bastante leitura e dedicação por parte do candidato, além de uma boa capacidade de interpretação, a qual pode ser alcançada com bastante leitura. Cabe lembrar que, quando me refiro à leitura, é importante que você leia de tudo um pouco, além do Direito – revistas, jornais, informativos, literatura, atualidades, etc. – para ter uma noção de tudo que acontece em sua volta e consiga se sair bem na prova e principalmente, na parte subjetiva. 

Por Luciana Viturino

Novo Concurso da Semed (AM) poderá ser realizado em 2014

Não faz muito tempo a Secretaria Municipal de Educação de Manaus (Semed), no Amazonas, realizou um concurso público com a finalidade de efetuar o preenchimento de 2.124 vagas. Mesmo assim, a referida secretaria está estudando a possibilidade de realizar um novo concurso ainda em 2014.

Segundo as informações divulgadas até o momento pela assessoria de imprensa do órgão no concurso citado com 2.124 vagas abertas em 12 cargos de Professores, foram preenchidas 1.145. No último dia estabelecido para a posse dos selecionados 776 profissionais se apresentaram. Esses números apresentam um percentual de desistência de 32%.

Basicamente, esse é o principal motivo que tem levado a secretaria a pensar na realização de um novo concurso neste segundo semestre de 2014 com o objetivo de prover mais 979 vagas para docentes.

A divisão de pessoal da Semed também se manifestou declarando que devido à necessidade de pessoal, a secretaria deverá estender até o mês de dezembro os contratos de 320 docentes que foram contratados sob o Regime de Direito Administrativo (RDA), de uma parcela total de 560. Vale ressaltar que já foram dispensados 240 profissionais. A intenção era de que fosse possível fazer a substituição de todos os aprovados no concurso. Entretanto, isso não será possível no momento dado o fato do baixo índice de preenchimento das oportunidades.

O estudo para a realização de um novo concurso já está sendo planejado tendo em vista analisar se é possível fazer uma nova seleção e qual seria o impacto financeiro da mesma.

Falta de pessoal:

No último concurso oferecido nenhum dos cargos apresentados teve suas vagas totais preenchidas. A que registrou a menor quantidade de vagas preenchidas foi a função de Professor de 1ª a 5ª séries. Eram 875 chances, 324 foram aprovados e somente 227 tomaram posse no cargo.

Além disso, o concurso ainda tem 164 profissionais que fizeram uma solicitação de prorrogação da posse. Neste caso o prazo vai até o dia 12 de setembro para a apresentação dos documentos.

Por Denisson Soares

Concurso INMETRO 2014 edital em breve

O concurso do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (INMETRO) deve ter edital publicado até outubro, ou seja, os interessados não devem perder tempo e começar os estudos de forma antecipada. A expectativa é que a banca organizadora seja escolhida em poucos meses.

O certame visa ao preenchimento de 80 vagas que serão dividias entre oportunidades de nível médio e também superior. As vagas serão para os estados do Rio de Janeiro, Goiás e também Rio Grande do Sul.

Para o nível superior, as oportunidades serão divididas em 39 vagas de analista executivo em metrologia e qualidade, 11 de pesquisador tecnologista e duas voltadas para o cargo de metrologia e qualidade sênior em que, para concorrer, o candidato precisa ter doutorado há pelo menos dez anos.

As remunerações correspondem a R$ 3.189,10 para o cargo de assistente e técnico, R$ 7.248,77 para o cargo de analista e pesquisador e para quem é especialista a remuneração chega a R$ 16.212,06. O último concurso foi realizado no ano de 2010 e os candidatos fizeram provas objetivas e também discursivas para o cargo.

Os interessados em ingressar na carreira pública do INMETRO e conquistar a estabilidade devem começar os estudos com garra, determinação e muita perseverança.

O ideal é que eles programem os estudos com base no último edital, até que o novo documento seja publicado. Assim, eles podem montar um cronograma de estudo com as matérias básicas e específicas do cargo desejado.

Quando o edital for publicado, é só ajustar o cronograma e manter o ritmo dos estudos, que deve ser intenso. Assim, a pessoa deve dedicar o máximo de horas possíveis, incluído os fins de semana e feriado.

Porém, é preciso ter equilíbrio e saber conciliar os estudos com atividade físicas e também ter um tempo livre para os amigos e familiares.

No dia da prova é preciso sair com antecedência, levar alimentos leves e confiar no seu potencial para garantir a classificação. 

Por Babi