Concurso DPU 2016 foi reaberto

Certame oferece 143 vagas de emprego para o cargo de Técnico-Administrativo.

Foi reaberto recentemente o concurso público que estava sendo promovido pela Defensoria Pública da União – DPU. Não houve alteração no número de vagas. O certame em questão tem como principal finalidade o provimento de vagas para o cargo de Técnico-Administrativo. A organização do concurso está a cargo do Cespe/Cebraspe e também da própria DPU. A OAB também participa da comissão organizadora do mesmo. Os candidatos interessados poderão se inscrever até o dia 30 de novembro de 2015.

No total, este concurso público está oferecendo aos concursandos um total de 143 vagas. Todas as chances estão sendo classificadas para início imediato. Outro detalhe importante de destacar é o fato do certame também estar realizando a formação de cadastro de reservas. As vagas, neste último caso, serão abertas nas funções de Agente Administrativo, Analista Técnico-Administrativo, Técnico em Comunicação Social – Jornalismo, Arquivista, Técnico em Assuntos Educacionais, Sociólogo, Psicólogo, Economista, Contador, Bibliotecário e Assistente Social.

Como participar:

Os candidatos que se encaixarem no perfil exigido para este concurso público poderão se inscrever via internet no site da organizadora do mesmo. O endereço eletrônico disponibilizado para este fim é o seguinte: www.cespe.unb.br/concursos/dpu_15_administrativo.

Para os cargos que exigem dos participantes o nível médio o valor da taxa de inscrição será de R$70 e para os de nível superior de R$100.

Devido à suspensão e reabertura do certame a DPU informa aos participantes já inscritos e que desejam desistir do concurso que os mesmos podem pedir a devolução da taxa de inscrição. Para isso deverão acessar o mesmo endereço das inscrições entre os dias 14 e 16 de dezembro de 2015.

Provas, salários e validade do concurso:

Os participantes serão avaliados por meio de provas objetivas. A data provável de aplicação é o dia 24 de janeiro de 2015.

De acordo com o edital o valor dos salários poderá variar entre R$3.817,98 e R$6.348,27 de acordo com o cargo.

Este concurso público terá uma validade de um ano contando a partir da data de homologação de seu resultado final.

Para conferir o edital completo acesse o site www.cespe.unb.br/concursos/dpu_15_administrativo.

Por Denisson Soares

DPU irá realizar um Concurso Público em breve

Certame irá oferecer vagas para o cargo de Defensor Público da União.

A Defensoria Pública da União (DPU) vai publicar um edital para o cargo de Defensor Público da União e a comissão para o concurso já esta sendo formada, de acordo com publicação do Diário Oficial, de segunda-feira, dia 16/11/2015. Até o momento, não se sabe o número de vagas, a organizadora do concurso e nem as prováveis lotações dos aprovados.

Os candidatos serão avaliados por meio por provas objetivas, quatro exames dissertativos, quatro provas orais, apresentação de títulos e também sindicância de vida pregressa. Os interessados na carreira devem ser formados em Direito e ter três anos de atividade jurídica comprovada. As fases do concurso compostas pela prova objetiva e dissertativa ocorrerão em todas as capitais, e as demais em Brasília.

O último concurso foi realizado pela banca Cespe/UnB e na ocasião foram oferecidas 58 vagas, além da formação de cadastro reserva. A remuneração inicial foi de R$ 16.489,37. Os interessados devem começar os estudos, uma vez que o edital deve ser publicado ainda em 2016.

Como estudar de forma focada?

  • Saiba para qual cargo e o porquê você está estudando. O autoconhecimento é fundamental para o sucesso. Mantenha a disciplina e a confiança em si, para que o resto seja consequência do seu esforço.
  • Concurso público exige muita persistência e vontade de passar. Seja um obstinado pelo cargo que almeja.
  • Durante o estudo, procure visualizar a si mesmo fazendo a prova e comemorando o seu resultado positivo. Imagine-se conquistando o cargo que deseja, isso vai reforçar a sua vontade de vencer.
  • Cuidado com as distrações como redes sociais e aplicativos. Deixe para responder depois do seu horário de estudo.
  • Use a internet e a tecnologia a seu favor. Aproveite, por exemplo, as redes sociais para tirar dúvidas dos conteúdos ou conhecer outros concursos que estão previstos.
  • O foco tem um poder imenso, portanto, saiba usá-lo de forma eficiente.

Por Babi

Defensoria Pública da União realiza Novo Concurso Público

DPU oferece 143 vagas para Agente Administrativo e Analista Técnico Administrativo. Salários chegam a R$ 5.266.

Sabia que o concurso da Defensoria Pública da União (DPU) está com inscrições abertas somente até o dia 22 de novembro? O certame visa ao preenchimento de 143 vagas, que estão distribuídas entre nível médio e superior. Para o cargo de agente administrativo a remuneração inicial é de R$ 3.817,98 e há 105 vagas. Já para o cargo de analista técnico administrativo há 38 vagas e a remuneração inicial é de R$ 5.266,18.

O concurso do DPU vai ser organizado pela banca Cespe/Unb e o valor da taxa de inscrição é de R$ 70,00 para cargo de nível médio e R$ 100,00 superior. Os candidatos serão avaliados por meio de provas objetivas, que estão previstas para serem aplicadas no dia 24 de janeiro. Que tal fazer essa prova? O edital e as inscrições podem ser feitas por meio deste link: www.cespe.unb.br.

O que não fazer durante os estudos?

Gastar energia com coisas desnecessárias. Quando você está estudando, costuma viajar em seus pensamentos? Para absorver e reter informações na memória, é necessário estar presente de corpo e alma. Por isso, ao ler qualquer matéria concentre-se ao máximo. Uma boa dica para prestar atenção é se concentrar na sua respiração. Preste atenção no fluxo de ar entrando e saindo.

Não ser proativo. Você tem mania de adiar os seus estudos? Sabe que precisa estudar constitucional, mas arrumar o seu armário é mais interessante? Qual a sua prioridade? Assuma a responsabilidade por sua aprovação e não adie o que precisa ser realmente feito.

Não confiar em si mesmo. Sabia que o seu cérebro é como um computador? Ele responde aos seus comandos. Se você acha que não vai passar, não vai. Ou seja, não adianta nada estudar por bons materiais e ter os melhores professores se você não acreditar na sua capacidade. Mude os seus pensamentos e suas crenças e a sua vida vai mudar.

Concurso DPU 2015 terá as inscrições reabertas

Período de inscrições será de 9 a 22 de novembro. Certame oferece 143 vagas de emprego em diversos cargos.

Foi determinada pela Defensoria Pública da União a reabertura do concurso público do referido órgão para a carreira Técnico-Administrativa. O certame aqui destacado tem como principal objetivo o preenchimento de 143 vagas para lotação imediata além de outras vagas para formação de cadastro de reserva.  Os cargos disponíveis são: Sociólogo, Arquivista, Contador, Agente Administrativo, Psicólogo, Analista Técnico-Administrativo, Economista, Técnico em Assuntos Educacionais dentre outros cargos.

Caso esteja interessado nesta oportunidade, saiba que o período de inscrições terá o seu início em 9 de novembro e término em 22 de novembro. O procedimento de inscrição deve ser feito por meio eletrônico. Dessa forma, os candidatos devem acessar o site oficial da Cespe/UnB (www.cespe.unb.br/concursos/dpu_15_administrativo), instituição responsável pela organização e execução do certame. Cargos de nível médio exigem taxa de inscrição de R$ 70,00 enquanto que o valor de R$ 100,00 é para cargos de nível superior.

É importante destacar que as provas objetivas bem como a perícia média serão realizadas nas 26 capitais do país além de Brasília, Distrito Federal. A perícia médica é uma etapa exclusiva para os candidatos que se declararem portadores de deficiência no ato da inscrição.

A data provável de aplicação das provas objetivas é 24 de janeiro de 2016. A duração da prova varia de acordo com o cargo desejado.

Os futuros aprovados terão direito a remuneração inicial que varia entre R$ 3.817,98 e R$ 6.348,27 que é referente a uma jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Para aqueles que não sabem, o concurso aqui destacado havia sido suspenso em maio deste ano. A assessoria da Defensoria Pública da União destacou que o motivo dessa suspensão foi justamente o fato de o Ministério do Planejamento ter retirado as vagas que estavam redistribuídas. Entretanto, a DPU iniciou um processo na justiça contra tal medida e tal pedido foi deferido. Com isso, o certame seguiu com a mesma quantidade de vagas prevista anteriormente.

Por Bruno Henrique

Concurso DPU 2015 tem edital confirmado para o mês de março

O número de vagas ainda não foi confirmado, mas oportunidades serão para nível médio e superior

A Defensoria Pública da União ( DPU) deve divulgar edital ainda este mês. O edital vai abranger oportunidades para nível médio e superior e, possivelmente, terá muitas vagas, além da formação de cadastro reserva. O concurso, provavelmente, terá provas em todas as capitais e a expectativa é que o Rio de Janeiro seja contemplado com a maior parte das vagas.

Para concorrer ao cargo de agente administrativo, é preciso ter nível médio e a remuneração inicial é de R$ 3.191,02.

Os candidatos que têm nível superior poderão concorrer para os seguintes cargos: analista (com a formação superior exigida podendo ser em qualquer área), arquivista, assistente social, bibliotecário, contador, economista, psicólogo, sociólogo, técnico em assuntos educacionais e técnico em Comunicação Social (Jornalismo, Relações Públicas e Publicidade e Propaganda). A remuneração inicial é de R$ 4.620,82.

A organizadora do concurso será o Cespe/Unb e a taxa de inscrição será de R$ 70,00 para o nível médio e R$ 100,00 para superior. Os interessados em ingressar na carreira pública podem aproveitar essa oportunidade e organizar uma rotina de estudo.

Estudar para concurso público exige determinação, foco e objetivo. Portanto, o melhor momento para começar os estudos é agora, que o edital ainda não foi publicado.

Para direcionar, o candidato pode ter como base o último edital do certame. É o seu primeiro concurso? Se for, é recomendado que você faça um curso online ou presencial específico para o DPU para conhecer as matérias e ficar por dentro das dicas dos professores. Mas, os interessados podem escolher outras alternativas de estudo como, por exemplo, livros ou materiais em PDF.

Faça uma planilha com os itens que serão estudados no dia a dia e cumpra o seu planejamento. O estudo deve ser prioridade em sua vida e não desista até chegar aonde realmente deseja na carreira pública. Sucesso e muita sorte no concurso do DPU.

Gostou das dicas? 

Por Babi

Edital do concurso da DPU será publicado em breve

Foi publicado no Diário Oficial da União o extrato do contrato entre a Defensoria Pública da União (DPU) e a banca Cespe/UnB, organizadora do certame. Depois deste passo, o edital deve ser publicado em pouco tempo, por isso, os interessados devem manter o foco e intensificar os estudos.

O concurso vai contemplar tanto o nível médio quanto superior. Um dos principais cargos é o de Agente Administrativo, que exige nível médio para concorrer. A remuneração inicial é de R$ 3.191,02. Além do cargo de nível médio, este certame também terá oportunidades para nível superior nas áreas de Analista Técnico Administrativo Arquivista, Assistente Social, Bibliotecário, Contador, Economista, Psicólogo, Sociólogo, Técnico em Assuntos Educacionais e Técnico em Comunicação Social (Jornalismo, Relações Públicas e Publicidade e Propaganda).

Além disso, para o cargo de Analista Técnico Administrativo, também, poderá concorrer quem tem graduação em qualquer curso de formação. A remuneração inicial para a função é de R$ 4620,82. As taxas de inscrição para este certame será de R$ 70,00 para o nível médio e R$ 100,00 para o nível superior.

A expectativa é que o edital seja publicado em poucos meses, por isso, os interessados devem manter firme nos estudos e focar na banca Cespe/UnB, que é a organizadora do certame. Desta forma, o candidato deve estudar com base no edital anterior e fazer uma planilha com o conteúdo do cargo.

O cronograma deve ser semanal, para que o candidato possa ir acompanhando a sua evolução nos estudos. Além disso, ele deve focar no estudo teórico, revisão e fazer muitos exercícios da banca Cespe/UnB.

Este é o melhor momento para começar os estudos, porque o edital ainda não foi publicado. O candidato vai poder estudar os conteúdos com calma e ir assimilando o conhecimento. Depois da publicação, ele deve ajustar o cronograma e manter a dedicação, para conseguir uma boa classificação no certame.  

Por Babi

Concurso DPU 2015 será divulgado em breve

Que tal começar o ano estudando para o concurso da Defensoria Pública da União (DPU)? A expectativa é que o edital seja publicado no início de 2015 e vai contemplar oportunidades para nível médio e superior. Os interessados podem direcionar os estudos para a banca Cespe/UnB, que é a organizadora do certame.

Como o edital ainda não foi lançado, este é o melhor momento para os candidatos iniciarem os estudos. Os conteúdos poderão ser vistos com tranquilidade, e, além disso, também haverá tempo para o candidato revisar os conteúdos e treinar muitas questões de concursos, que é fundamental para conhecer a organizadora.

O concurso vai atrair um público de qualidade, porque este é um dos certames mais esperados para o próximo ano. O cargo de nível médio conta com remuneração inicial de R$ 3.191,02 e quem já é graduado em qualquer formação poderá tentar o cargo de Analista Técnico Administrativo. Além disso, também serão oferecidas oportunidades para quem tem nível superior nas áreas de Assistente Social, Bibliotecário, Contador, Economista, Psicólogo, Sociólogo, Técnico em Assuntos Educacionais e Técnico em Comunicação Social. Todos os graduados receberão R$ 4.620.

Que tal começar a estudar para este concurso? Primeiramente, procure fazer um curso online ou presencial. Peça dicas e orientação para outras pessoas. Mas, se quiser estudar sozinho em casa invista em material de qualidade. Também peça ajuda a outros estudantes de concurso público.

Separe um ambiente confortável e aconchegante para estudar, porque você vai passar boa parte do tempo nele. Tenha uma cadeira confortável e deixe o material de estudo de fácil alcance, assim, você não perde tempo. Coloque na sua mesa frases motivacionais ou se preferir coloque a foto do local que você vai trabalhar. Confie no seu potencial e estude com afinco para conseguir a tão almejada classificação no concurso do DPU.

Gostou da dica de estudar para o DPU?

Boa sorte e sucesso!  

Por Babi

Concurso DPU 2014 tem 58 vagas abertas

Foi anunciada no último dia 17 de novembro de 2014 pela Defensoria Pública da União (DPU) a abertura do período de recebimento das inscrições para a realização de um concurso público para o órgão. De acordo com o que está disposto no edital que dispõe sobre as regras de realização do certame serão oferecidas aos concursandos 58 vagas. Todas essas oportunidades serão para a carreira de Defensor Público Federal de Segunda Categoria.

Candidatos que se declararem portadores de necessidades especiais também poderão se inscrever. A reserva feita neste caso é de três vagas do total.

Os candidatos que vierem a ser aprovados nessa seletiva pública terão a opção de escolher em qual órgão pretendem atuar. Para isso deve o mesmo considerar a distribuição em escala nacional realizada pelo defensor público geral da união. A ordem de preferência irá seguir a classificação final do concurso.

Para estar habilitado a concorrer para alguma dessas vagas os candidatos precisam contar com formação de nível superior em Direito. Além disso, devem estar devidamente registrados na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) além de poderem fazer a comprovação de experiência de no mínimo três anos de exercício de atividade jurídica.

A remuneração inicial oferecida para a carreira é no valor de R$16.489,37.

Como participar:

Os candidatos que atenderem todos os requisitos de participação exigidos poderão se inscrever até o dia 8 de dezembro de 2014. As inscrições estão sendo recebidas por meio do site da organizadora da seleção no endereço eletrônico www.cespe.unb.br. Para validar a candidatura o participante ainda deverá pagar uma taxa no valor de R$180.

Seleção:

Para a avaliação dos inscritos estão previstas a aplicação de provas objetivas. Os testes deverão ser aplicados no dia 7 de fevereiro de 2015. Serão 200 questões que tratarão de 50 tópicos referentes a cada conjunto (das disciplinas) do Direito.

Vale ressaltar que além dessa fase ainda haverá outras posteriores compostas de avaliação de títulos e provas orais dentre outros testes.

Para saber mais clique aqui e confira o edital completo.

Por Denisson Soares

Concurso Defensoria Pública da União 2014 tem vagas abertas

A Defensoria Pública da União é um órgão público que realiza assistência jurídica gratuita a população nos setores de orientação jurídica, propositura de uma ação ou realização de uma defesa num processo e acordos extrajudiciais. Esta instituição atende pessoas que recebam até três salários mínimos por mês. Já deu para perceber que se trata de um setor de muita responsabilidade, demanda e principalmente que requer uma boa desenvoltura para lidar com problemas e pessoas.

Recentemente, a instituição divulgou a abertura de vagas para início imediato e cadastros de reserva. Ao todo, são 58 vagas, sendo três reservadas para pessoas com necessidades especiais.

As inscrições para este concurso iniciaram no dia 17 de novembro e irão até dia 8 de dezembro através do site www.cespe.unb.br ou em um dos locais citados no edital. Entre os requisitos para assumir os cargos em caso de aprovação estão: formação em Direito com OAB, experiência na área de no mínimo três anos, estar com documentos eleitorais em dia, não ter antecedentes criminais e não cumprir sanção por inidoneidade. Quanto à faixa salarial, o que provavelmente é um dos benefícios mais atraentes da vaga, o concursado pode contar com uma remuneração de até R$ 16.489,37.

A taxa de inscrição é de R$ 180,00 e para conquistar o cargo desejado, saiba que serão aplicados cinco testes. A primeira fase conta com uma prova objetiva elaborada pela Cespe e já permite eliminação de candidatos conforme desempenho. Na segunda fase, também haverá uma prova dissertativa elaborada pela DPU com o apoio da Cespe. Na terceira fase, prova oral também de responsabilidade das duas instituições. Na penúltima fase, uma avaliação de títulos, de caráter classificatório e por fim, apuração dos demais requisitos pessoais.

Aos interessados em candidatar-se, a dedicação aos estudos para esta oportunidade vai além das simulações de provas anteriores.

Fique atendo aos prazos e possíveis retratações no edital no site da Cespe.

Por Ricardo Laurentino da Silva

Concurso DPU 2014 deverá ser realizado em breve

A publicação do edital para a Defensoria Pública da União estava prevista para o mês de setembro, porém em razão da burocracia entre os departamentos jurídicos do Cespe/UnB (organizadora) e a DPU, o contrato entre as partes ainda não foi assinado. Contudo o edital do concurso para o setor de apoio da Defensoria Pública da União (DPU), que contemplará cargos dos níveis médio e superior, já está passando pelos ajustes finais. O documento deverá ser divulgado no início deste mês de outubro, mês em que o período de inscrições também deverá ter início.

Assim se você tem interesse em participar do certame, inicie desde já os estudos, pois o edital será divulgado em breve.

Quem tem o ensino médio poderá concorrer ao cargo de Agente Administrativo, cujo vencimento inicial é de R$ 3.191,02, já inclusos R$ 373 de auxílio-alimentação. Para graduados as vagas serão para o cargo de Analista Técnico Administrativo.

De acordo com a Assessoria de Imprensa da DPU, haverá vagas também para Assistente Social, Bibliotecário, Contador, Economista, Psicólogo, Sociólogo, Técnico em Assuntos Educacionais e Técnico em Comunicação Social. Todos os cargos de graduados terão remunerações de R$ 4.620,82, já inclusos o auxílio alimentação. Logo após a publicação do edital, o Cespe/UnB deverá receber o preço da taxa de inscrições através de sua página eletrônica. As taxas serão de R$ 70 para os participantes a Agente (nível médio) e de R$100 para os cargos de nível superior, segundo o extrato de dispensa de licitação.

O prazo de validade do concurso será de dois anos e haverá formação de cadastro de reserva, haja vista a necessidade do órgão na contratação de pessoal. Assim, recomenda-se que você se baseie pelo último edital com as matérias básicas e caso surjam dúvidas, procure por professores de cursinhos preparatórios, os quais tem uma ótima base acerca de concursos públicos. Alguns sites de resolução de questões são ótimos aliados.

Bons estudos!

Por Luciana Viturino