Concurso TJ-AL 2017 – Nova Seleção deve Ocorrer Este Ano

Certame deverá ofertar vagas para Analista e Técnico Judiciário. Comissão responsável pelo concurso já foi definida.

Para quem reside no estado de Alagoas e está esperando a oportunidade de prestar um concurso público, essa chance está chegando. É que o desembargador e também presidente do Tribunal de Justiça do estado de Alagoas, o senhor Otávio Leão Praxedes, no último dia 16 do mês de fevereiro, nomeou uma comissão que se encarregará de todos os trâmites para a realização de um novo concurso público do Tribunal de Justiça do estado.

No documento que institui a nova comissão do concurso estão presentes os nomes de Alcides Gusmão da Silva, também desembargador, que será o presidente da comissão, além de outros integrantes como o juiz Hélio Pinheiro (que é o diretor geral do TJ), Alexandre Sodré Arruda (que é o diretor-adjunto do TJ), Klístenes Lessa, Alexandre de Castro Moraes (nomeado secretário comissão) e Raquel Faião Rodriges (que é a atual presidente do Sindicato dos Servidores, o Serial).

Embora o concurso público do TJ de Alagoas esteja ainda em sua fase inicial, a expectativa é de que sejam disponibilizadas para a concorrência oportunidades para os cargos de analista judiciário e de técnico.

Ao que se sabe, para a função de analista os interessados precisam possuir formação de nível superior em áreas diversas. Já para o cargo de técnico os interessados precisam possuir ensino médio completo.

Segundo informações do próprio TJ, um técnico possui uma remuneração inicial no valor de R$ 3.956,13 mensais. Por sua vez, um Analista do TJ deve receber inicialmente o valor de R$ 6.047,89 mensais. Além disso, além do salário mensal esses profissionais devem receber benefícios e gratificações.

Contudo, não existem informações ainda sobre o número de vagas a serem disponibilizadas para a concorrências e nem as especialidades. Porém, esses detalhes em breve devem ser anunciados, quando a empresa organizadora do certame for contratada e tomar a frente de todo o processo, que inclui um levantamento no quadro atual de servidores, a elaboração e divulgação do edital, abertura do período de inscrições e elaboração e aplicação das provas.

Ao que tudo indica, se tudo ocorrer como o planejado, o Concurso Público do Tribunal de Justiça do estado de Alagoas deve ocorrer ainda neste primeiro semestre de 2017.

Sirlene Montes

Concurso PM-SP 2017 – Novo Edital pode Oferecer 3.107 Vagas

Seleção irá ofertar vagas para o cargo de Soldado de 2ª Classe.

Para quem já vem se preparando e tentando ser aprovado ou deseja prestar pela primeira vez concurso público para a Polícia Militar de São Paulo, as notícias que acabam de chegar são favoráveis. É que um novo concurso já foi autorizado e as oportunidades são para pessoas que possuam ensino médio completo.

Como foi informado, a realização de mais um concurso para a PM do estado de São Paulo é para complementar o número de vagas de um processo de seleção que já havia se iniciado no ano passado. Dessa forma, para quem já havia tentado o certame do final de 2016, terá mais essa chance, já que o concurso é basicamente o mesmo, pois prevê a oferta de vagas para Soldado de 2ª classe, cujo remuneração inicial é no valor de R$ 2.929 mensais.

Segundo as primeiras informações, o novo concurso da PM de São Paulo deve acontecer, se tudo ocorrer como o planejado, ainda neste semestre, mas caso isso não seja possível, será no início do segundo semestre de 2017.

A autorização para a realização de mais esse concurso já foi dada pelo atual Governador do estado, Geraldo Alckmin, no mês de agosto do ano passado. Na ocasião a autorização foi para a disponibilidade de mais de 5 mil vagas para cargos de Soldados. Dessa forma, no ano passado o primeiro concurso ofertou quase 3 mil vagas. Sendo assim, o concurso desse ano deve disponibilizar para a concorrência o equivalente a 3.107 oportunidades para compor o quadro de soldados da Polícia Militar de São Paulo.

A concorrência é aberta para candidatos, homens e mulheres, que possuam ensino médio completo, que tenham de 17 a 30 anos de idade, altura mínima de 1,55 para mulheres e 1,60 para homens, além de carteira de motorista nas categorias “B’ e “E”.

Um soldado de 2ª classe da Polícia Militar recebe inicialmente uma remuneração no valor de R$ 2.357,76, acrescidos do adicional relacionado a insalubridade no valor de R$ 571,51.

Dessa forma, a recomendação é de que os interessados em realizar o concurso devem estar atentos, pois em breve deve ser publicado o edital e o prazo para inscrições.

Sirlene Montes

Concurso PM-AL 2017 – Edital deverá ser Divulgado em Março

Certame deve ofertar 1.040 vagas de nível médio.

É muito grande a expectativa para a abertura de um novo concurso público para a Polícia Militar do estado de Alagoas. Ao que tudo indica, a publicação do edital será em março de 2017. A previsão foi confirmada recentemente pelo Governador Renan Filho, por ocasião de uma entrevista coletiva à imprensa.

Até o presente momento não foi dada informações detalhadas sobre a quantidade de vagas que deverão ser contempladas pelo concurso. Mas é bem provável que o número oferecido seja mais ou menos igual ao apresentado pelo último processo seletivo que ofereceu aos concursandos 1.040 vagas.

Requisitos mínimos que serão exigidos:

De acordo com as informações divulgadas até agora, os candidatos que quiserem concorrer as vagas precisam contar com formação de nível médio completo. A idade mínima exigida é de 18 anos e a máxima de 30 anos. Além disso, a função requer que os profissionais tenham habilitação na categoria B. A altura mínima exigida é de 1,65m para homens e de 1,60m para mulheres.

O valor dos salários iniciais não foi divulgado.

Uma vez que a publicação do edital esta próxima, é bem provável que já nos próximos dias seja definida a banca organizadora do concurso.

O anúncio da próxima seleção para a Polícia Militar do estado foi feito no mês de outubro do ano passado, pelo próprio governo do estado. Na ocasião o governo havia destacado a situação financeira do estado. De acordo com ele, assim como diversos outros estado, Alagoas também se encontra em dificuldade. Mesmo assim, ele deu garantias de que irá promover uma nova seleção para a PM.

Recentemente foram chamados para a atividade 800 novos policiais. Segundo o governo, fazer isso é importante para deixar claro para a população que o objetivo é seguir em frente mesmo apesar das dificuldades.

Último concurso PM-AL

A última seleção para a polícia militar do estado ofereceu um total de 1.040 vagas para os cargos de soldado combatente e oficial. Na ocasião a organização do certame ficou a cargo do Cespe/UnB.

A triagem dos candidatos foi realizada por meio da aplicação de provas objetivas, testes discursivos, aptidão física, exames médicos, avaliação psicológica, comprovação de documentos e também investigação social.

Para obter maiores informações sobre está e outras oportunidades do estado de Alagoas acesse www.governo.al.gov.br.

Por Denisson Soares

Concurso PM-TO 2017 – Novo Edital em Breve

Seleção deverá ofertar 1.040 vagas para soldado e oficial.

O concurso da Polícia Militar do estado do Tocantins (PM/TO) vem sendo aguardado desde o ano passado e a expectativa é de que o edital seja publicado em breve. A previsão é de que sejam oferecidas aos concursandos um total de 1.040 vagas. O documento já está em fase de elaboração.

Em um primeiro momento este concurso público estava sendo previsto para ser lançado no mês de agosto, mais precisamente no dia 25, uma vez que é nessa data em que é comemorado o dia do soldado. Mas por algumas questões burocráticas ele acabou sendo adiado.

O concurso da polícia militar do Tocantins irá oferecer 1.000 oportunidades para o cargo de soldado e mais 40 para o cargo de oficial. De acordo com os setores ligados a esse concurso, a ideia é que com a realização desta seleção seja possível intensificar o combate à violência em especial na zona sul da capital do estado.

Saiba mais:

Tendo como base o último concurso público para a PM, a função de soldado pediu dos candidatos a formação de nível médio. A idade mínima exigida era de 18 anos e a máxima de 30 anos. Para candidatos do sexo masculino a altura exigida era de 1,63m e para candidatos do sexo feminino de 1,60m.

Também é fundamental que os interessados não tenham nenhuma pendência com relação aos deveres militares, eleitorais e civis.

É interessante observar que um outro requisito que deverá agora ser parte dos itens obrigatórios é a Carteira Nacional de Habilitação na categoria B.

Outra informação importante é que as oportunidades para a função de oficial serão destinadas para candidatos que tenham formação de nível superior.

Último concurso da PM/TO

No ano de 2013, a Polícia Militar de Tocantins realizou um concurso público que tinha como finalidade o preenchimento de 300 vagas para soldado. Na época a banca que ficou a cargo da organização técnica-administrativa foi a Consulplan.

Durante o período de formação a PM ofereceu aos participantes um auxílio financeiro no valor de R$ 800,00. Para quem foi aprovado no curso os salários oferecidos eram de R$ 3.057,77 mais o vale alimentação.

A seleção dos candidatos foi feita por meio de seis etapas. Foram aplicadas provas objetivas e discursivas, testes de capacidade física, avaliação psicológica, exames médicos e odontológicos, investigação social e curso de formação.

Por Denisson Soares

Concurso DER-SP 2017 – Novo Pedido de Seleção para 233 Vagas

Oportunidades devem ser para profissionais de nível médio e superior. Salários podem chegar a R$ 6 mil.

O Departamento de Estradas de Rodagem que pertence ao Estado de São Paulo está com algumas deficiências em seu quadro de pessoal. Na realidade, desde o ano de 2009 nenhum concurso público foi realizado para resolver esse problema.

Como mais uma tentativa, foi encaminhada pelo DER para a Secretaria Estadual de Gestão Pública mais uma solicitação de realização de um novo concurso.

Segundo o DER de São Paulo, se o governo estadual autorizar o concurso público, serão disponibilizados para a concorrência o equivalente a 233 oportunidades em seu quadro de servidores.

Dentre essas mais de 200 vagas, há oportunidades para pessoas com formação escolar diferente, sendo 178 postos de trabalho para pessoas que possuam ensino médio completo e os restantes (55 vagas) são para candidatos que possuam ensino de nível superior.

A remuneração desses cargos parte de R$ 1.216,00 até R$ 6mil, a depender da função pleiteada.

Embora o último concurso tenha ocorrido no ano de 2009, desde o ano de 2014 vem sendo solicitado ao governo a autorização para a realização de um novo concurso, que na ocasião previa a disponibilidade de mais de 800 vagas em várias funções no DER.

Contudo, em decorrência da intensa crise na economia que se instalou no Brasil e dura até os dias atuais, a realização do concurso não chegou a ser aprovado.

Dessa vez, para conter gastos e atender à necessidade no quadro de pessoal, a solicitação foi de um número reduzido de vagas.

Segundo informações cedidas pelo Departamento, a Secretaria De Gestão Pública de São Paulo já recebeu a solicitação e agora a sua autorização depende da assinatura do atual governador do estado, Geraldo Alckmin. A previsão é de que autorização aconteça ainda neste primeiro semestre do ano de 2017.

A intenção do DER é que assim que autorizada a realização do novo concurso, todos os procedimentos sejam agilizados de modo que as contratações dos aprovados comecem a acontecer no mês de outubro deste ano.

Diante da real necessidade de novos servidores para o DER, a expectativa é de que seja autorizado.

Dessa forma, se você deseja prestar concurso público ano de 2017, comece a se preparar pois se a solicitação do DER for atendida, em breve ele deve acontecer.

Sirlene Montes

Concurso MP-RN 2017 – Edital deverá ser Publicado em Breve

Seleção vai ofertar 37 vagas para diferentes níveis de formação.

Os concursos públicos atualmente são uma forma de estabilidade na carreira profissional. Pessoas dedicam horas e horas estudando para essas provas, pois sabem a garantia do que podem ter ao conseguir um cargo através desses testes. E um dos mais aguardados para este ano é o exame que o Ministério Público do Rio Grande do Norte vai realizar para contratar profissionais de diferentes níveis de formação.

O concurso vai disponibilizar 37 vagas, nas quais estão divididas da seguinte forma: 29 cargos para quem possui formação técnica, sendo oito para analistas de sistemas e 29 para auxiliares administrativos. Além de oito oportunidades para profissionais que são formados em cursos superiores, com uma vaga para psicólogo, uma para administrador, três cargos para contador, duas oportunidades para engenheiros civis e uma vaga para o setor de inteligência. A previsão é de que o edital seja divulgado ainda neste mês ou em março. Já a data para realização das provas não foi informada. Lembrando que todos os profissionais necessitam ter a formação necessária.

Os profissionais selecionados para atuarem no Ministério Público do Rio Grande do Norte terão direito a alguns benefícios como: vale-alimentação e plano de saúde. Já a remuneração é diferente para os níveis de escolaridade, os candidatos que possuem graduação o salário gira em torno de R$ 5.000,00 reais e para os técnicos é de R$ 4.000,00 reais. Além desses benefícios citados, os dirigentes do MP/RN se preocupam em manter um ambiente que favoreça o trabalho em grupo e o desenvolvimento de cada empregado e de cada setor.

As provas deverão ser idealizadas e aplicadas pela Comissão Permanente do Vestibular da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. É de extrema importância que os candidatos estudem e testem seus conhecimentos através dos testes anteriores similares aos realizados pelo Ministério Público, você pode ter acesso a essas provas através deste endereço: https://jcconcursos.uol.com.br/vip/ProvasAnteriores.aspx. Outra forma de se preparar é fazer o simulado do MP, que pode ser acessado aqui, é preciso se cadastrar para fazer o teste. E se você se interessou em realizar este concurso, fique atento ao site do Ministério Público do Rio Grande do Norte: http://www.mprn.mp.br/portal/. Não deixe de acompanhar os endereços citados acima para se informar sobre o calendário que envolve esse concurso. Boa sorte!

Isabela Castro.

Concurso PGE-SE 2017 – Autorização de Concurso é Republicada

Certame deverá ofertar vagas para o cargo de Procurador do Estado de 2ª Classe.

A Procuradoria Geral do Estado de Sergipe (PGE/SE) decidiu republicar, no Diário Oficial do último dia 13 de fevereiro, a autorização para que seja promovida a realização do esperado concurso com vagas para o cargo de procurador do Estado de 2° classe. É interessante observar que essa autorização já tinha sido anunciada no dia 14 de julho do ano passado pelo então governador em exercício, Belivaldo Chagas Silva.

Depois disso a expectativa é de que o processo em si seja adiantado. É bem provável que o edital do concurso seja disponibilizado aos concursandos já nas próximas semanas. A publicação não deve demorar muito, uma vez que segundo informações obtidas junto ao órgão, a banca organizadora do certame já foi definida, será a Cespe/UnB.

A informação que temos até o momento é de que a oferta inicial de vagas será de cinco oportunidades. Elas estarão sendo disponibilizadas para preenchimento imediato. É importante destacar que ainda teremos a formação de cadastro de reserva neste concurso.

Requisitos para concorrer às vagas

Os candidatos que quiserem concorrer para a função precisam contar com formação de nível superior na área de Direito. Ressaltando que é necessário que se tenha a inscrição na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A remuneração inicial ainda não foi informada.

Último concurso

O último certame aconteceu no ano de 2015. Na época foram oferecidas aos concursandos um total de 18 vagas. O salário inicial oferecido nesse caso foi no valor de R$8.251,69. A organização do certame ficou a cargo da Fundação Carlos Chagas.

Os candidatos inscritos foram avaliados e selecionados por meio da aplicação de provas objetivas e discursivas. Também foi feita a análise de títulos.

Na primeira etapa, nas provas objetivas, houve a aplicação de questões sobre direito processual penal, direito penal, financeiro, processual do trabalho, direito do trabalho, comercial e do consumidor, civil, processual civil, tributário, administrativa, constitucional e ambiental.

No caso das provas discursivas, ela foi composta pela elaboração de um parecer ou petição de caso prático. O assunto versou sobre uma ou mais disciplinas presentes no conteúdo programático.

Síntese do concurso

  • Concurso PGE
  • Atuação – Judiciária/Jurídica
  • Função – Procurador
  • Organização – O próprio órgão
  • Estado – SE
  • Salários – Não informado.

Por Denisson Soares

TSE-DF deve preparar Novo Concurso Público 2017

Certame deverá ofertar vagas para Técnico e Analista Judiciário.

Os concurseiros de plantão residentes em Brasília, Distrito Federal, podem começar a comemorar, pois está previsto para 2017 o concurso público para o TSE (Tribunal Superior Eleitoral). O edital deve ser lançado ainda nesse semestre, inclusive o concurso já teve o Orçamento Federal aprovado.

O concurso será lançado para que o quadro de servidores do TSE não fique defasado. Há necessidade de novos servidores devido à alta demanda do TSE, além do número de aposentados, por isso o concurso terá vagas para início imediato, além das vagas oferecidas para cadastro de reserva.

Vagas Oferecidas

As oportunidades são para os cargos de Técnico Judiciário e Analista Judiciário, onde podem se candidatar pessoas maiores de 18 anos, que tenham concluído o Ensino Médio para as vagas de Técnicos e Ensino Superior (em diversas áreas) para as vagas de Analistas.

Como o edital ainda não foi lançado, existe uma estimativa que o concurso ofereça 118 oportunidades, porém, o concurso poderá ser bastante concorrido para quem possui Ensino Médio. Aproximadamente 10 vagas serão destinadas para os cargos de Técnico Judiciário e as demais para Analista Judiciário.

Inscrições

Os interessados deverão aguardar o lançamento do edital, porém, estima-se que os valores da taxa de inscrição sejam de R$ 65,00 para os cargos de Ensino Médio e de R$ 80,00 para os cargos de Ensino Superior.

Ainda não foi divulgado quem será a empresa responsável pela organização do concurso, porém, o número de candidatos que possuem interesse pela vaga é altíssimo. Está previsto cerca de 70 mil inscrições.

Como a data do concurso ainda não foi divulgada, é uma ótima oportunidade para o concurseiro intensificar os estudos. No último concurso do TSE, em 2011, a empresa responsável pelo concurso foi a Consulplan. Os participantes realizaram provas objetivas de conhecimentos gerais e conhecimentos específicos, além de perguntas discursivas e redação.

Benefícios

Além da segurança de seguir uma carreira pública, um atrativo que anima bastante as pessoas a se interessarem pelo concurso é o pacote de benefícios com Vale Alimentação, Vale Refeição, Assistência Médica, Assistência Odontológica, Previdência Privada e Bonificações.

Os salários iniciais para os cargos de Técnico são de R$ 6.227,86 e para os cargos de Analista é de R$ 10.179,80. Os preparativos para o concurso público do TSE começam em breve, então intensifiquem os estudos e boa sorte!

Diego Jose Laureano

Concurso ANS 2017 – Edital deverá ser divugado este Ano

Seleçao aguarda autorização do MPOG (Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão).

Aumenta a expectativa para os que esperam o novo concurso público que tem como objetivo preencher o quadro de pessoal da ANS, a Agência Nacional de Saúde Suplementar. A única coisa que impede no momento para abrir o edital da seleção é a autorização por parte do MPOG, o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

Pelo que apresenta o Orçamento Federal, o qual já foi sancionado pelo Michel Temer, o concurso público ofertará 231 oportunidades, as quais são distribuídas entre as funções de especialista em regulação e analista administrativo. Os salários iniciais oscilam entre R$ 11.529,29 para o cargo de analista e R$ 12.432,49 para especialistas, nestas remunerações já foi incluído o vale-alimentação no valor de R$ 458.

Tanto o cargo de especialista quanto a de analista destinam-se aos profissionais que possuem diploma de nível superior em alguma área do conhecimento, desde que o documento seja emitido por instituição reconhecida pelo MEC.

Outra informação apontada no Orçamento trata do valor de taxa estimado e a quantidade prevista de inscritos. Acredita-se que o valor da taxa será de R$ 100 e espera-se um número de 57.750 inscritos, o que totaliza uma relação de 250 candidatos para cada vaga.

É válido lembrar que as vagas poderão ter lotação na sede do órgão, na cidade do Rio de Janeiro ou em alguns de seus núcleos, que ficam localizados nos municípios de Ribeirão Preto (SP), São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG), Porto Alegre (RS), Salvador (BA), Cuiabá (MT), Recife (PE), Belém (PA), Brasília (DF) e Fortaleza (CE).

Último concurso da ANS

O último processo de seleção do órgão, que aconteceu em 2013, contou com vagas para os cargos de nível superior. Na época, 81 vagas foram abertas entre as chances de técnico em regulação de saúde suplementar, especialista em regulação de saúde suplementar, analista administrativo e também técnico administrativo.

O certame foi organizado pela Cespe/UnB e todos os candidatos foram submetidos a uma prova objetiva, além de análise de título e teste discursivo para analista e especialista.

As oportunidades foram distribuídas entre Ribeirão Preto (SP), São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Curitiba (PR), Cuiabá (MT) e Salvador (BA).

FILIPE R SILVA

Concurso TST 2017 – Novo Edital em Breve

Edital de abertura do concurso deverá ser divulgado ainda no primeiro semestre de 2017.

Para os concurseiros de plantão que residem no Distrito Federal, as notícias que chegam são muito favoráveis. É que já está em andamento os trâmites da elaboração do concurso público do TST (Tribunal Superior do Trabalho), que atua no Distrito Federal. Segundo informações preliminares, o edital com todas as informações do certame deve ser publicado neste primeiro semestre de 2017.

A realização desse novo concurso já havia sido confirmada desde o ano passado, quando o Tribunal Superior do Trabalho anunciou que no ano de 2017 novas vagas em seu quadro de servidores seriam abertas para os cargos de analista e técnico, principalmente pelo fato de que o último concurso público realizado já está quase vencendo.

Embora ainda não tenha sido publicado, o edital com as informações sobre vagas, salários e carga horária, algumas informações extraoficiais já existem.

Por exemplo, para concorrer ao cargo de Técnico os interessados precisam ter ensino médio completo e formação técnica em algumas especialidades. O salário inicial é no valor de R$ 8.535,24 mensais.

Já para o cargo de Analista os interessados precisam possuir curso de nível superior em especialidades diversas. O salário de um analista do TST é o equivalente a R$ 13.399,17.

Como o processo já está em andamento, o passo seguinte é contratar a empresa que ficará responsável pela organização do certame.

Ainda não se sabe com precisão o número de vagas que serão disponibilizadas para a concorrência, mas existe um projeto de lei, um PCL, que está tramitando no Senado e que pede a criação de mais de 250 vagas no quadro de servidores do TST.

O último concurso público realizado pelo TST aconteceu no ano de 2012. Na ocasião foram disponibilizadas 37 oportunidades para lotação imediata e para a formação de Cadastro Reserva. A banca organizadora foi a Fundação Carlos Chagas e se inscreveram para a concorrência mais de 70 mil pessoas.

Nesse sentido, a recomendação é de que os interessados em prestar o concurso do TST do Distrito Federal já comecem a se preparar pois ao que tudo indica a publicação da edital abertura do período de inscrições e realização da prova acontecerá em breve.

Sirlene Montes

Concurso da Câmara Municipal de Campo Grande (MS) 2017 – Edital em Breve

Certame deve oferecer 102 vagas e já teve a banca organizadora definida.

Para quem mora em Campo Grande/MS, está desempregado ou mesmo procurando uma recolocação profissional em meio a essa crise financeira que assola de norte a sul o Brasil, temos uma boa notícia. A Câmara Municipal de Campo Grande, no estado de Mato Grosso do Sul, fez uma confirmação oficial no dia 3 de fevereiro, do nome da banca que será responsável pela organização do tão aguardado concurso público.

A empresa que foi escolhida será a Fundação de Apoio à Cultura e Ensino (FAPEC).

Os concurseiros de plantão devem se atentar para a publicação do edital, que tem data prevista de publicação que vai ser entre o final de fevereiro e o início de março. A abertura das inscrições provavelmente será no início do mês de abril.

As provas tem data prevista de serem realizadas entre os meses de junho e julho desse ano e essa tão aguardada seleção se destina ao preenchimento de 102 vagas em diversas funções, que visam atender as exigências do Ministério Público do Estado, que pretende substituir cargos comissionados por concursados.

A relação de cargos ainda não foi divulgada, mas estima-se que 16 vagas são para cargos de nível fundamental, 58 com exigência de ensino médio completo e 28 vagas que exigem curso superior. Alguns cargos devem ser alterados com a nova reestruturação e que deverão fazer parte do certame, serão os de técnico administrativo e legislativo.

Ainda de acordo com fontes ligadas ao Ministério Público do Estado do Mato Grosso, a Câmara Municipal tem atualmente 90% dos seus funcionários que exercem cargos comissionados, quando na verdade, a legislação determina que seja o contrário desse percentual. Atualmente, a Câmara tem 600 funcionários em seu quadro total de empregados, dos quais, apenas 10% são realmente concursados.

Fique atento a publicação do edital e não perca a chance de ter estabilidade, salário atrativo, aposentadoria especial e demais benefícios que somente o serviço público brasileiro pode oferecer.

Uma boa dica é já comerçar estudando as principais disciplinas que são comuns nesse tipo de consurso e não deixar para última hora.

Boa sorte no processo e nessa nova etapa profissional.

Rodrigo Souza de Jesus

Concurso CFF 2017 – Banca Organizadora é Escolhida

Contrato de prestação de serviços deve ser assinado nos próximos dias e o edital deverá ser divulgado em breve.

Para quem está na expectativa da publicação do Concurso Público do Conselho Federal de Farmácia, o CFF, as notícias que chegam são favoráveis. É que de acordo com informações cedidas pelo órgão, o processo licitatório para a contratação da empresa organizadora do concurso já terminou, sendo a Inaz a banca vencedora da licitação.

Dessa forma, para dar continuidade ao processo do certame, é necessário que o contrato de prestação de serviços entre o Conselho e a banca Inaz seja assinado e em seguida seja desenvolvido um cronograma que contenha as datas para a publicação do edital, período para realização das inscrições e realização das provas.

Segundo informações preliminares, o Novo Concurso Público do Conselho Federal de Farmácia oferecerá para a concorrência 20 vagas em Brasília (DF), sendo que seis delas são para lotação imediata e as 14 restantes são para o preenchimento do Cadastro de Reserva de seu quadro de colaboradores.

Das vagas disponibilizadas no certame, há oportunidades para profissionais com formação de nível médio e formação de nível superior. As oportunidades para pessoas com ensino médio completo são para o cargo de Auxiliar Administrativo, sendo 2 vagas imediatas e 6 para formação de CR. Para este cargo o salário inicial previsto é no valor de R$ 3.197,27.

Por sua vez, para os interessados que possuem curso de nível superior, as oportunidades são para os seguintes cargos:

– Analista de Sistemas: 1 vaga imediata mais duas para o CR;

– Farmacêutico: 2 vagas imediatas mais quatro para compor o CR;

– Programador: 1 vaga imediata mais duas para formação de CR.

Para os três cargos a remuneração inicial paga pelo órgão é no valor de R$ 6.824,60 mensais.

O último Concurso Público que o Conselho realizou aconteceu no ano de 2010, na ocasião a banca organizadora foi a Quadrix e mais de 200 vagas foram disponibilizadas para a concorrência. As vagas foram disputadas por meio de prova objetiva de múltipla escolha e avaliação de títulos dos classificados na prova.

Diante disso, a recomendação é de que os interessados em realizar o concurso já comecem a se preparar, pois a previsão é que ele seja realizado no segundo semestre de 2017.

Sirlene Montes

Concurso São Luís (MA) 2017 – Edital para Técnico Municipal em Breve

Certame deverá ofertar 52 vagas com salários de quase R$ 2 mil.

O Concurso Público é um importante instrumento para se conseguir um emprego que ofereça estabilidade e garantia, que é sempre muito buscado pelas pessoas, principalmente em momentos de crise como a que o Brasil vem enfrentando, que já resulta em milhões de desempregados. Além disso, a conquista de um trabalho por meio de um concurso é justa e democrática, em que ocorre a concorrência justa entre os interessados.

E por falar em interessados, a Prefeitura Municipal de São Luís está com um concurso previsto para o provimento de 52 oportunidades de trabalho em seu quadro de servidores. Se você se interessou continue lendo este artigo e saiba tudo sobre o Concurso Público da Prefeitura de São Luís.

Embora ainda não tenha sido publicado o edital e nem foram abertas as inscrições, as informações são de que o concurso realmente acontecerá. As informações iniciais são de que serão disponibilizadas para a concorrência o equivalente a 52 vagas, todas para a função de Técnico Municipal em diversas áreas.

As vagas de Técnico são voltadas para profissionais que possuam formação de nível superior. Os salários previstos para esse cargo, independente da área de atuação, é no valor inicial de R$1.848,00, para cumprimento de uma carga horária de 40 horas por semana.

Das 52 vagas previstas para o certame, 28 são para profissionais graduados em assistência social, outras 19 são para graduados em psicologia e 5 vagas para profissionais do direito.

O processo operacional do concurso ainda está em sua fase inicial, pois já foi aberto processo licitatório que irá contratar a empresa ou banca que será responsável pela organização e realização do concurso. As bancas têm até o dia 21 do mês de março para se inscreverem no processo de licitação.

Nesse sentido, após a escolha da empresa organizadora, os próximos passos são o levantamento do número de vagas em aberto e determinação do prazo de inscrições, bem como a publicação do edital com todas as informações necessárias.

Com o bom andamento desse processo, a previsão é de que o concurso seja realizado no segundo semestre de 2017.

Diante disso, a recomendação é de que os interessados já comecem a se preparar para as provas.

Sirlene Montes

Concurso Prefeitura de Belém 2017 (PA) – Banca do Concurso é Contratada

Seleção deverá ofertar 2.800 vagas.

Quem estava ansioso para obter mais informações sobre o novo concurso público da Prefeitura Municipal de Belém, no estado do Pará, pode comemorar. Isso por que está cada vez mais perto a divulgação do edital, que segundo informações, irá oferecer 2.800 vagas. Saiba mais!

Concurso Prefeitura Municipal de Belém

Como se sabe, a Prefeitura aguardava apenas a banca responsável pelo certame. De acordo com informações do comunicado, o órgão já assinou o contrato de prestação de serviços com a AOCP, banca organizadora do concurso público. Resta agora, finalizar o cronograma, processo que pode levar alguns dias.

Com isso, no decorrer das próximas semanas, o mais aguardado edital do estado deve sair. Enquanto isso não acontece, já sabemos que o concurso da Prefeitura de Belém deve oferecer postos para diferentes áreas como Administração, Educação, Companhia de Informática de Belém (Cinbesa), Instituto de Previdência e Assistência (Ipamb), Saúde e Companhia de Desenvolvimento da Área Metropolitana de Belém (Codem).

Sabemos também que a entidade busca profissionais de diferentes tipos de ensino, que podem concorrer a uma das vagas a seguir:

  • Psicólogo (89), agente de bem estar social (578), geólogo (2), técnico em desporto e lazer (20), auxiliar de administração (746), engenheiro mecânico (1), agente de vigilância sanitária e ambiental (177), odontólogo (202), agente de postura e ordem econômica (57), nutricionista (80), assistente de administração (1.013), engenheiro agrônomo (9), auxiliar técnico em computação (61), técnico cultural (5), pedagogo (3), cadastrador (25), fonoaudiólogo (28), desenhista (15), analista ambiental (8), técnico agrícola (6), contador (29), médico veterinário (33), técnico em agrimensura (17), engenheiro florestal (8), técnico em contabilidade (36), farmacêutico bioquímico (35), técnico em edificações (12), engenheiro químico (4), técnico em enfermagem (1.436), engenheiro sanitarista (8), técnico em higiene dental (32), biomédico (13), técnico em laboratório (98), médico (548), técnico em mecânica (1), bibliotecário (22), técnico em ótica oftálmica (2), economista (42), técnico em radiografia (91), bacharel em relações públicas (1), técnico em saneamento (23), jornalista (10), técnico em tributação (1), técnico ambiental (15), administrador (29), arquiteto (35), assistente social (161), bacharel em turismo (9), biólogo (2), enfermeiro (420), sociólogo (9), engenheiro civil (30), farmacêutico (120), sanitarista (10), fisioterapeuta (modificado de 52 para 60), meteorologista (1), terapeuta ocupacional (modificado de 31 para 70) e estatístico (14).

Em poucas semanas, a Prefeitura Municipal de Belém deve fornecer demais informações.

Fábio Santos

Concurso TRF-1 2017 – Edital em Breve

Certame deve ofertar vagas para técnico, analista e juiz federal substituto. Salários podem chegar a R$ 14 mil.

Em breve será anunciado o edital do concurso público do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF 1). Uma boa notícia para concurseiros que aguardam vagas com altos salários. A sede do órgão fica em Brasília e possui jurisdição nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Piauí, Rondônia, Roraima e Tocantins, locais prováveis de locação dos futuros candidatos.

As ofertas são para os cargos de técnico e analista judiciário e também para juiz federal substituto. Os salários iniciais poderão alcançar a cifra de até 14 mil reais. A previsão é que ocorra a abertura do novo concurso impreterivelmente neste ano, pois o prazo de validade de um deles já venceu e do outro se expirará em meados de 2017.

A comissão do concurso irá elaborar os certames da próxima seleção. No entanto, ainda não foi definida a banca organizadora e o número de vagas. Ainda assim, o TRF já estima a quantidade 123 mil inscritos para o cargo de analista e 177 mil para técnico. A arrecadação, segundo o órgão, será de 30 bilhões de reais.

Último Concurso

A Fundação Carlos Chagas (FCC) foi a banca organizadora do edital realizado em 2014. Na época, foram oferecidas 13 vagas, sendo quatro para os cargos de técnico judiciário, com exigência de nível médio e nove para analista judiciário, com superior nas áreas judiciárias, administrativas e especialidades, conforme a última seleção do órgão.

As especialidades do nível superior contempladas foram: arquitetura, biblioteconomia, engenharia civil, medicina, odontologia e informática.

A prova para o cargo de técnico exigia conhecimentos gerais, conhecimentos específicos e estudo de caso, já o de analista cobrava conhecimentos gerais, conhecimentos específicos e redação. Os conteúdos programáticos incluíam Língua Portuguesa, Noções de Informática, Matemática e Raciocínio Lógico, além conhecimentos específicos de acordo com a especialidade.

Ficha Técnica:

  • Concurso: TRF 1ª Região
  • Banca Organizadora: a definir
  • Cargos: técnico judiciário, analista judiciário e juiz federal substituto
  • Escolaridade: Nível Médio e Superior
  • Vagas: A definir
  • Remuneração: Inicial de até 14 mil
  • Inscrição: a definir
  • Taxa (prevista): R$ 87, R$ 105 ou R$ 239.

Daniella Parreiras Dutra

Concurso Público MPT 2017 – Vagas para Procurador

Cargo irá oferecer salários de até R$ 28 mil.

Na última segunda-feira foi publicada no Diário Oficial da União a aprovação do Edital do concurso para ingresso na carreira do Ministério Público do Trabalho. O salário inicial é de R$ 28.947,55 e o concurso terá, segundo informações extraoficiais, formação de cadastro de reserva, ou seja, os candidatos aprovados no concurso serão chamados caso haja abertura de novas vagas, dentro do prazo de validade do concurso.

A informações do número de vagas que serão abertas no primeiro momento e os estados que serão contemplados não foram divulgada no Diário Oficial da União, porém, já se sabe que a taxa de inscrição será de R$ 240 e que a previsão é de que mais de sete mil candidatos se inscrevam no concurso.

Para ocupar o cargo de Procurador do MPT, o candidato deverá ter diploma de bacharelado em Direito e deverá cumprir experiência profissional da área jurídica, por pelo menos três anos, após a conclusão do Ensino Superior. Ainda não há data, mas o concurso será realizado em 2017, já que está previsto na Lei Orçamentária Anual.

Os conteúdos presente nas provas serão:

  • Direito Internacional e Comunitário
  • Direito Penal
  • Direito Previdenciário da Seguridade Social
  • Direito Administrativo
  • Direito Processual Civil
  • Direito Civil e de Empresa
  • Direito Processual do Trabalho
  • Direito Individual do Trabalho
  • Direito Coletivo do Trabalho
  • Direito Constitucional
  • Direitos Humanos
  • Regime Jurídico do Ministério Público

No ano de 2015, o Ministério Público do Trabalho promoveu um concurso semelhante. Nele, foram abertas apenas nove vagas nos seguintes municípios: Água Boa (Mato Grosso), Brasília (Distrito Federal), Corumbá (Mato Grosso do Sul), Itaguaí (Rio de Janeiro), Goiânia (Goiás), Pelotas (Rio Grande do Sul), Recife (Pernambuco), São Paulo e Vitória (Espírito Santo).

A avaliação consistiu em: prova objetiva, teste objetivo e avaliação prática.

A banca de avaliação do concurso foi composta pelo próprio Ministério Público do Trabalho . Na ocasião, houve mais de seis mil candidatos inscritos. O edital deste concurso realizado em 2015 pode ser consultado em http://portal.mpt.mp.br.

Entre as principais atribuições do Procurador do Ministério Público do Trabalho estão a proposição de ações à defesa dos direitos e interesse dos índios, incapazes e menores, decorrentes das relações trabalhistas e promoção de ações atribuídas pela Constituição Federal e pelas leis trabalhistas.

Renato Senna Maia

Novo Concurso do MP-RN é Autorizado

Seleção deverá ofertar cerca de 19 vagas.

Para os concurseiros de plantão do Rio Grande do Norte, as notícias que acabam de chegar são favoráveis. É que o Ministério Público do estado confirmou a realização de seu novo concurso público ainda neste ano de 2017.

O motivo pelo qual se desencadeou a liberação da realização do certame foi que no último dia 27 do mês de janeiro aconteceu a divulgação de um relatório que aponta que o Ministério Público realmente necessita de mais pessoal, atendendo a lei vigente.

Na realidade, esse concurso estava previsto para acontecer ainda no ano passado, porém, ele precisou ser adiado em razão da crise econômica instalada no Brasil, em que havia necessidade de retenção de gastos.

Nessa ocasião a banca organizadora do certame já até havia sido escolhida, sendo ela a Comperve, que é a Comissão Permanente do Vestibular da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, cujo contrato foi temporariamente cancelado, mas que ao que tudo indica já foi retomado para dar sequência no processo.

A previsão é de que o concurso fosse suspenso pelo período máximo de 10 meses, porém, como felizmente houve uma melhoria das condições financeiras do estado, os trabalhos já foram retomados, sendo que no dia 13 do mês de janeiro uma comissão já foi escolhida para tratar dos trâmites necessários.

Como o processo que organiza o concurso ainda está em sua fase inicial, não se pode afirmar com exatidão o número de vagas disponíveis para a concorrência. Contudo, informações extraoficiais apontam que serão disponibilizadas 19 vagas, sendo que desse total 14 são para a função de técnico para atuação na área administrativa. Já das outras cinco vagas restantes, três são para a área de contabilidade e duas para engenharia civil.

Contudo, é possível que o número de vagas seja bem maior em relação a esse previsto anteriormente, pois existe uma necessidade de pessoal real, já que o último concurso ocorreu no ano de 2010 e os 200 aprovados foram todos lotados. Atualmente o MP do Rio Grande do Norte possui 37 postos de trabalho em aberto, que podem sim ser colocados para a concorrência.

Nesse sentido, se você vive no estado do RN, já comece a se preparar pois essa é uma ótima oportunidade para quem procura um trabalho que ofereça estabilidade, garantia e bons salários.

Sirlene Montes

Concurso DPE-RS 2017 – Edital para Técnico e Analista em Breve

Regulamento para a realização do concurso já foi aprovado. Seleção da banca organizadora deverá ocorrer nas próximas semanas.

Prestar concurso público e ser aprovado é uma excelente forma de garantir um trabalho estável e garantido. Além disso, um concurso público é a melhor forma de contrato, pois é democrática, dependendo apenas da capacidade de cada candidato e não de indicações.

Se você deseja se tornar um servidor público, através de um concurso, a DPE/RS, que é a Defensoria Pública que pertence ao Estado do Rio Grande do Sul, em breve deve publicar edital de seu novo concurso público, previsto para a seleção de profissionais para os cargos de analista e técnico.

Na realidade, o processo para a realização do concurso ainda está em seu início, uma vez que seu regulamento, que contém todas as informações e detalhes do certame, foi aprovado no dia 27 do mês de janeiro pelo Conselho Superior do Estado do Rio Grande do Sul.

Segundo informações preliminares, o concurso deve acontecer ainda nesse primeiro semestre de 2017, ofertando oportunidades na área de serviços auxiliares da DPE.

De acordo com informações que estão presentes no documento aprovado, a comissão responsável pelo certame será composta por um secretário-executivo e 6 membros, todos por indicação e designação do defensor Público Geral do Estado do Rio Grande do Sul.

Como o concurso público ainda possui sua organização em fase inicial, não é possível afirmar o número de vagas disponíveis para a concorrência. Contudo, essas e outras informações serão divulgadas pela comissão, que ainda está fazendo levantamentos e em seguida fará a contratação da banca responsável por organizar o concurso público.

A princípio, o que se sabe é que para concorrer ao cargo de analista o candidato precisa possuir ensino de nível superior e para o cargo de técnico o candidato precisa possuir ensino médio completo e formação técnica.

Os salários para analista são no valor de R$ 5.947,00, já para técnico é no valor de R$ 3.243,90 mensais mais os benefícios de cada cargo.

Nesse sentido, a recomendação é de que os candidatos já comecem a se preparar para a realização do concurso público da Defensoria Pública Estadual do Rio Grande do Sul, que segundo a previsão é de que aconteça ainda no ano de 2017.

Aguarde novas informações.

Sirlene Montes

Concurso Público TJ-MG 2017 – Edital deve ser divulgado em Breve

Certame deve ofertar os cargos de Oficial de Apoio Judicial e Oficial Judiciário.

Todo mundo sabe que ser um servidor público é muito vantajoso, principalmente porque é um trabalho conquistado de forma democrática e que a depender do cargo possui excelentes salários, e o que é muito importante, oferece garantia e estabilidade ao trabalhador. E a forma de se tornar um servidor público é por meio dos concursos públicos.

E por falar em Concurso Público, o Tribunal de Justiça de Minas Gerais em breve realizará mais um concurso. Na realidade, os trâmites que viabilizam o certame ainda estão em andamento, mas a previsão é de que o edital seja lançado em breve.

A empresa ou banca que se responsabiliza por todas as operações do certame já foi contratada e já está em atuação, é a Consulplan, que já informou que os últimos detalhes já estão sendo finalizados para assim o edital ser publicado.

Segundo informações preliminares, serão dois cargos disponíveis para a concorrência, sendo que para ambos é exigido ensino médio completo. São eles:

– Oficial de Apoio Judicial – Classe D;

– Oficial Judiciário – Classe D – que é uma especialidade que pertence a infância e juventude.

De acordo com informações divulgadas pelo site oficial do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, as remunerações para os cargos a serem ofertados são de R$ 2.439,54, acrescentado de bolsa-alimentação no valor de R$ 799,00, totalizando o equivalente a R$ 3.238,54.

Os interessados inscritos no Concurso Público do TJ de Minas Gerais terão que realizar prova objetiva em que serão cobrados conteúdos de língua portuguesa, noções de direito, noções de informática e atos de ofício.

O cargo de Oficial de Apoio Judicial pode ser lotado na área de contadoria, onde deve atuar na elaboração e auxílio de contas, recolhimento de tributos e custas, entre outras funções. Quando lotado na área de secretaria de juízo este profissional deve atuar na lavratura de atos e termos dos processos, digitando ou datilografando, além de outras funções desse tipo.

Por sua vez, o Oficial Judiciário atua diretamente com o menor infrator ou abandonado, apreendendo-o e apresentando-o frente a autoridade do juizado, além de fiscalizar ambientes e eventos frequentados por menores.

Nesse sentido, a recomendação é de que os interessados já comecem a se preparar pois o concurso do Tribunal de Justiça deve ocorrer ainda neste primeiro semestre de 2017.

Sirlene Montes

Concurso Público TJ-SP 2017 – Edital deve ser Divulgado em Março

Certame deve ofertar vagas para Escrevente. Salários podem chegar a R$ 5 mil.

Para os concurseiros de plantão ou para quem está desempregado em meio essa crise que assola o país de norte a sul, temos uma excelente notícia. O presidente do Tribunal de Justiça do estado de São Paulo, Paulo Dimas Bellis Mascaretti, confirmou o edital para a realização de um concurso público para o cargo de escrevente para nível médio, ainda para o primeiro semestre de 2017, com o atrativo salário de R$ 5 mil e demais benefícios trabalhistas do serviço público brasileiro.

Ainda de acordo com o presidente, as primeiras convocações acontecerão no início do segundo semestre e não informou o número de vagas previstas, muito embora o TJ-SP tem o costume de convocar muitos aprovados no concurso que estão além das vagas informadas no edital publicado.

O estado tem um grande déficit de mais de 3 mil escreventes e os que ainda estão na ativa, estão muito próximos de se aposentarem, além de estarem extremamente sobrecarregados com a alta demanda de serviço.

A expectativa para esse aguardado concurso é muito grande por parte de milhares de pessoas que desejam fazer carreira no serviço público, pois além da tão sonhada estabilidade financeira, tem direito à aposentadoria especial e demais regalias. A banca organizadora do concurso ainda não foi definida, mas segundo fontes ligadas ao órgão, a Fundação Vunesp é a provável candidata.

Geralmente as provas para esse tipo de concurso não mudam muito e baseadas em concursos anteriores serão 100 questões objetivas, divididas em três blocos. O primeiro bloco é composto de 24 questões de português e o segundo bloco, que tem 36 questões, aborda as disciplinas de noções básicas de direito, que são direito penal, processual penal, processual civil, constitucional, administrativo e normas da justiça. O último bloco é sobre conhecimentos gerais e conta com 40 questões objetivas das disciplinas de matemática, raciocínio lógico, atualidades e informática.

Não deixe essa oportunidade de ouro passar em branco. Faça já a sua inscrição e seja um profissional de sucesso. Fique atento quanto ao edital e boa sorte nas provas.

Rodrigo Souza de Jesus