Concurso Câmara Legislativa DF 2017 – Definição da Banca Organizadora

Seleção deverá ofertar 86 vagas para todos os níveis de escolaridade. Cebraspe deverá ser a organizadora do certame.

Se você aguarda o edital da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), saiba novidades do próximo certame aqui.

A comissão responsável pela organização do concurso público, constituída desde o mês de janeiro de 2017, definiu recentemente a quantidade de vagas a serem preenchidas. Haverá oportunidades para quem tem escolaridade de nível médio e superior. Serão ofertadas 86 chances para os cargos de consultor técnico-legislativo, procurador e consultor legislativo. Para os iniciantes na carreira, a remuneração varia entre R$ 10.143,07 e R$ 15.123,30, podendo chegar a R$ 20.612,14 e R$ 30.732,64 na classe especial.

A próxima etapa é definir a banca organizadora. A expectativa é de que haja a contratação do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

O último certame da CLDF ocorreu em 2005. A instituição contratada foi o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (CESPE). Naquele momento foram oferecidas 120 vagas para preencher os cargos de consultor técnico legislativo, consultor legislativo e técnico legislativo de diversas áreas de formação. Houve vagas exclusivas para pessoas com necessidades especiais (PNE). Confira algumas das especialidades ofertadas: desenvolvimento urbano, constituição e justiça, cultura e desporto, finanças públicas, meio ambiente, redação parlamentar, entre outras.

No processo seletivo teve provas objetivas com 120 quesitos, prova discursiva, avaliação prática, avaliação de títulos, exame psicológico, teste de aptidão física, exame de saúde, análise de idoneidade moral e conduta. Para algumas especialidades ainda houve teste prático de informática. No total, 75.741 pessoas se inscreveram naquele concurso. As inscrições custaram R$ 53 para as funções de nível médio e R$ 78 para as de nível superior.

Como já faz um bom tempo desde a última seleção, o órgão conta com muitos cargos ociosos, sendo 170 para técnico, 17 para procurador, 15 para assistente, 51 para auxiliar e 121 para consultor técnico e 32 para consultor legislativo.

A previsão é de que o edital seja publicado ainda em 2017, pois a banca terá o prazo máximo de 15 dias, após sua contratação, para lançar o documento. Desse modo, a expectativa de realização das provas será de no mínimo 90 dias após a divulgação do edital.

Inicie já sua preparação se você deseja se tornar um servidor público.

Melisse V.

Concurso Arsesp 2017 – Comissão do Concurso é Formada

Certame deverá ofertar 46 vagas. Edital deverá ser divulgado em breve.

A Arsesp, Agência do Estado de São Paulo, que regula o saneamento e a energia, já deu início na preparação para que seja realizado um novo processo público de seleção, que o governador do estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, já autorizou no dia 10 do mês passado. A primeira etapa aconteceu na quinta-feira da última semana, dia 22 de junho, ao publicar, por meio do diário oficial, qual será a comissão responsável pela seletiva. Desta forma, já se pode iniciar a confecção do documento de edital e determinar qual será a banca organizadora do mesmo, para que seja publicado o edital ainda no começo do próximo semestre.

No total serão ofertadas 46 oportunidades, onde 42 se destinam a função de especialista em regulação de serviços públicos, já as outras quatro são destinadas aos analistas de suporte à regulação. Ambas as carreiras exigem que o candidato possua diploma de ensino superior em áreas do conhecimento específicas, conforme as atividades que serão desenvolvidas, sendo imprescindível também que o mesmo tenha experiência profissional de no mínimo três anos com a sua respectiva área. Os aprovados terão salários mensais que iniciam em R$ 6.214 para os cargos de especialistas e para o cargo de analista a remuneração será de R$ 5.207, para cumprir as atividades em uma jornada trabalhista de 40 horas por semana.

Formada, a comissão é composta por Vanessa Maria de Campos, Eliésio Francisco da Silva e Arlene Riegel Colares, possuindo suplentes os servidores Alexandre Petrucciello Salgado, Antenor Barbosa Rocha e Gustavo Martins de Oliva.

Também é válido ressaltar que ambas as carreiras possuem um plano de carreira que contam com seis diferentes níveis. Sendo assim, ao decorrer do exercício dos candidatos aprovados para o posto de analista irão contar, posteriormente, com cinco novos reajustes, tendo um acréscimo em sua remuneração, sendo respectivamente no valor de R$ 5.988 para R$ 6.886,50, depois R$ 7.919,50, então R$ 9.107 e por fim R$ 10.473. Já para o posto de especialista, as remunerações posteriores serão de R$ 7.146,50, para R$ 8.218,50, depois R$ 9.451, então R$ 10.862 e por fim R$ 12.499,50.

FILIPE R SILVA

Concurso TJ-RS 2017 – Edital em Breve

Certame ofertará vagas para Analista e Técnico Judiciário.

Se você está esperando a publicação do edital do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ/RS), confira aqui informações importantes sobre esse concurso público. O órgão confirmou que a data para lançamento do edital do certame é no dia 29 de junho (quinta-feira).

O TJ/RS visa preencher vagas para os cargos de analista e técnico judiciário. O período de inscrições inicia em 3 de julho (segunda-feira) e se estende até 24 de julho (segunda-feira). Você poderá fazer o seu cadastro no endereço eletrônico. A banca responsável pela organização do certame é a Fundação de Apoio à Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Faurgs).

As provas serão aplicadas no mês de agosto. A remuneração varia entre R$ 3.860,28 e R$ 7.352,93. As inscrições custam R$ 64,03 para técnico e R$ 79,22 para analista.

Para ser analista judiciário é necessário ter escolaridade de nível superior, já para ser técnico exige-se nível médio completo. A jornada de trabalho para todos as funções corresponde a 40 horas por semana.

O último concurso realizado pelo TJ do Rio Grande do Sul ocorreu em 2012. Naquela oportunidade foram ofertadas 140 vagas para os seguintes cargos: Desenhista, Auxiliar de Comunicação, Arquiteto, Assistente Social, Historiógrafo, Bibliotecário Judiciário, Taquígrafo Forense, Técnico Judiciário da Área Administrativa e Judiciária e Analista Judiciário das especialidades de Administração, Engenharia Elétrica, Contabilidade, Ciências Jurídicas e Sociais, Economia, Engenharia Civil, Estatística e Engenharia Mecânica. A banca organizadora também foi a FAURGS e a validade do concurso expirou no dia 21 de junho. Mais de 520 aprovados foram convocados para tomar posse.

Para os cargos de técnico as disciplinas cobradas foram: português, informática, matemática e legislação. Os candidatos responderam a 70 questões na prova objetiva.

Já os concorrentes ao cargo de analista tiveram de responder a 80 quesitos da avaliação sobre as seguintes matérias: conhecimentos específicos, língua portuguesa, microinformática e tópicos de legislação. Quem concorreu para ocupar a função de taquígrafo ainda teve prova discursiva e teste prático.

Dentre as atribuições do técnico estão: digitalizar documentos, expedir certidões, dar apoio nas atividades judicantes, controlar materiais, entre outras.

Aproveite essa oportunidade para se tornar um servidor público.

Fique atento à página eletrônica para conferir o lançamento do edital.

Melisse V.

Concurso INB 2017 – Edital em Breve

Certame deverá ser realizado ainda este ano e irá ofertar vagas nos estados do RJ, MG e BA.

As Indústrias Nucleares do Brasil (INB) abrirá concurso público ainda este ano. As oportunidades são para diversos cargos e em várias escolaridades. A banca definida é a Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (Fundep). Em breve deverá sair o edital do certame, após assinatura do contrato entre as partes.

Além das vagas oferecidas, o processo seletivo disponibilizará cadastro de reserva em vários cargos. Não há mais detalhes sobre as vagas, mas já se sabe que as unidades de locação são Resende e Rio de Janeiro, ambas no Rio de Janeiro, Caldas em Minas Gerais e Caetité na Bahia.

Último concurso

No último edital, em 2012, foram 181 vagas e mais cadastro de reserva, distribuídos nas cidades de Buena (RJ), Resende (RJ), Rio de Janeiro (RJ), Caldas (MG), Caetité (BA), Brasília (DF) e Fortaleza (CE).

O certame contou com as seguintes etapas: provas objetivas de múltipla escolha para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório; para os cargos de tradutor, prova escrita de idioma de português-inglês e português-alemão; além de exames médicos admissionais.

Nível Médio

As vagas eram nas áreas de assistente de administração, caldeireiro, eletricista de manutenção, fresador mecânico, mecânico de manutenção, secretaria de diretoria, soldador, técnico em agropecuária, técnico em arquivo, técnico em contabilidade, técnico em edificações, técnico em eletromecânica, técnico em eletrônica, técnico em eletrotécnica – eletricidade, técnico em enfermagem do trabalho, técnico em geologia, técnico em informática, técnico em instrumentação, técnico em mecânica, técnico em metalurgia, técnico em mineração, técnico em química, técnico em radioproteção, técnico em segurança do trabalho, técnico em topografia – agrimensura, torneiro fresador e torneiro mecânico.

Ensino Superior

Os cargos ofertados eram: administrador, advogado, analista de comércio exterior, analista de sistemas, arquivologista, assistente social, bibliotecário, biólogo, contador, economista, engenheiro agrônomo, engenheiro ambiental, engenheiro civil, engenheiro da computação, engenheiro de automação e controle, engenheiro de minas, engenheiro de produção, engenheiro de segurança do trabalho, engenheiro eletricista, engenheiro eletrônico, engenheiro mecânico, engenheiro metalúrgico, engenheiro químico, físico, geógrafo, geólogo, jornalista, médico do trabalho, químico, tradutor – alemão e tradutor – inglês.

Concurso público

  • Órgão: INB
  • Banca organizadora: Fundep
  • Edital: Previsão 2017
  • Cargos: CR e outros
  • Escolaridade: Diversas
  • Cidades: Resende (RJ), Rio de Janeiro (RJ), Caldas (Minas Gerais) e Caetité (BA).

Daniella Dutra

Concurso TRT-SC 2017 – Edital em Breve

Seleção deverá ofertar vagas para Analista e Técnico Judiciário.

Os indivíduos que pretendem atuar no Poder Judiciário já podem iniciar sua preparação para o próximo processo público de seleção que irá ser executado pelo TRT da 12ª Região, o Tribunal Regional do Trabalho, que possui jurisdição em Santa Catarina.

Na última segunda-feira, dia 19 de junho, foi assinado pelo órgão um contrato para prestação de serviços juntamente com a FGV, a Fundação Getúlio Vargas, a qual será a banca que irá organizar o processo de seleção.

Um comunicado realizado pelo desembargador-presidente do órgão no Estado de Santa Catarina informou que o documento de edital deverá ser publicado muito em breve e que o concurso teve sua abertura decidida depois de diversos estudos realizados internamente.

A seletiva deverá contemplar diversas oportunidades destinadas aos cargos analista e técnico judiciário, os quais exigem, respectivamente, formação em nível superior e nível médio. Entretanto, ainda não foram informadas a quantidade de vagas ofertadas e suas respectivas especialidades.

Último processo de seleção do Tribunal Regional do Trabalho – SC

No ano de 2013 ocorreu o último concurso do órgão, onde o tribunal publicou um edital que contava com 75 oportunidades distribuídas entre as carreiras de analista e técnico. No momento, a empresa organizadora era a FCC, Fundação Carlos Chagas.

Para a carreira de técnico foram disponibilizadas oportunidades nas especialidades de tecnologia da informação (com uma vaga) e administração (com 21 vagas). Já para a carreira de analista foram ofertadas oportunidades nas áreas administrativa com 10 vagas, oficial de justiça/avaliador federal com 7 vagas, judiciária com 29 vagas, contabilidade com 3 vagas, estatística com 1 vaga, tecnologia da informação com 1 vaga, engenharia civil com 1 vaga e psicologia também com uma oportunidade.

A seleção dos candidatos inscritos se deu por meio de uma avaliação objetiva com questões de múltipla escolha, que versava sobre conhecimentos gerais e específicos da função, além de contar com uma redação discursiva. As provas fora aplicadas nos municípios de Blumenau, Criciúma, Chapecó, Itajaí, Joinville, Joaçaba, Lages, Tubarão, Mafra e também na capital do Estado Florianópolis.

Se você possui interesse em participar, se prepare e se atente para as datas.

FILIPE R SILVA

Concurso TST 2017 – Banca Organizadora é Escolhida

Edital do certame deverá sair ainda em junho de 2017.

Que tal direcionar os seus estudos para o concurso do Tribunal Superior do Trabalho (TST)? O edital deve ser publicado em pouco tempo, uma vez que o Órgão já assinou contrato com a organizadora: Fundação Carlos Chagas (FCC). A expectativa é que o documento seja lançado em junho e tenha oportunidades para técnico (nível médio) e analista (nível superior).

As provas para os cargos serão aplicadas apenas em Brasília e os o certame terá, além das avaliações objetivas, testes discursivos ou redação de acordo com o cargo. O último concurso organizado pelo TST foi em 2012 e contou com 37 vagas e também a formação de cadastro reserva. Que tal aproveitar a oportunidade?

No Senado, por exemplo, tem a tramitação do projeto de lei que cria 270 cargos para o Órgão referente à carreira de analista judiciário na área judiciária, em que o interessado deve ter nível superior na área de Direito.

Como a banca já foi definida, o edital do concurso deve ser divulgado nas próximas semanas e as provas aplicadas no segundo semestre deste ano. Desta forma, não perca tempo e antecipe a sua preparação para ganhar domínio e conhecimento nos conteúdos.

Como estudar para este concurso?

Organize os seus estudos de acordo com o último edital do certame, que pode ser acessado clicando aqui: http://www.tst.jus.br/documents/10157/64618/Edital+1-2012. Depois, defina o cargo e separe os conteúdos programáticos.

Faça um planejamento com as disciplinas do edital. Se este for o seu primeiro concurso, invista em um curso online ou presencial para conhecer as matérias e dominar as dicas que são passadas pelos professores.

Lembre-se de que além das aulas é fundamental você estudar a parte teórica e focar na revisão, que pode ser feita no seu caderno, em uma ficha resumo ou por mapa mental. Também é essencial fazer muitos exercícios da banca FCC, organizadora do certame.

Estude por meio de apostilas específicas para o concurso e cuidado com materiais desatualizados ou que foram elaborados há muito tempo.

Ao estudar concentre-se e busque dar o melhor de você para conseguir a classificação. Além do TST, aproveite para focar em outros concursos da área trabalhista como, por exemplo, o Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro, que está previsto para este ano.

Muito sucesso e bons estudos!

Por Babi

Concurso Público CFF 2017 – Banca Organizadora é Escolhida

Seleção deverá ofertar 20 vagas. Edital deverá ser publicado em breve.

Se você reside em Brasília e está na expectativa do lançamento de um novo concurso do Conselho Federal de Farmácia, o CFF, as notícias que acabam de chegar são bastante animadoras. É que segundo informações do órgão, o contrato de prestação de serviços com a empresa que será responsável pelo certame já foi assinado. A banca organizadora será a Inaz do Pará.

Diante disso, a expectativa é de que nos próximos dias seja desenvolvido o cronograma composto pelas datas de lançamento do edital de abertura, prazo de inscrições, data para realização das provas e data com o resultado final.

Embora o processo do concurso do CFF esteja em fase inicial, algumas informações já estão definidas, por exemplo, o número de oportunidades disponibilizadas. Desse modo serão disponibilizadas o total de 20 vagas, sendo que desse total seis são para lotação imediata, as demais 14 serão para a composição do Cadastro de Reservas.

As oportunidades são para pessoas que possuem ensino médio completo e ensino de nível superior.

Desse modo, quem possuir ensino médio completo cursado em instituições de ensino que possuam o reconhecimento do MEC, pode concorrer ao cargo de Auxiliar Administrativo, de modo que 2 vagas são para lotação imediata e 6 são a composição de Cadastro Reserva. Um profissional neste cargo possui o vencimento inicial de R$ 3.197,27.

Já os profissionais com formação de nível superior poderão entrar para a concorrência dos cargos de Analista de Sistemas, com 1 vaga imediata e 2 para CR, Farmacêutico, com 2 vagas imediatas e 4 para CR e Programador, com 1 vaga imediata e 2 para CR.

Para todos estes cargos, os profissionais selecionados possuirão um vencimento de R$ 6.824,60.

O último concurso realizado pelo Conselho Federal de Farmácia foi realizado no ano de 2010 e na ocasião foram disponibilizadas o equivalente a 224 oportunidades.

Nesse sentido, se você está interessado em prestar o novo concurso público do CFF, fique atento às novas notícias, pois se tudo correr conforme o programado, em breve o cronograma estará pronto, assim como será aberto o prazo para inscrições. Assim, recomenda-se que os interessados já comecem a se preparar para a realização da prova e dessa forma se capacitar para fazer parte da equipe de colaboradores do órgão.

Sirlene Montes

Concurso TCE-PE 2017 – Banca Organizadora é Definida

Seleção ofertará vagas para Auditor e Técnico Fiscal de Contas Públicas. Edital deverá ser divulgado em breve.

No dia 12 de junho, foi confirmado pelo TCE/PE (Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco), com a publicação em Diário Oficial, o nome da banca que organizará seu novo concurso público, que trará oportunidades para os cargos de auditor fiscal das contas públicas e técnico auditor fiscal das contas públicas. Para ambas as vagas, os candidatos deverão possuir graduação completa e os salários iniciais são de R$ 17.106,96 e R$ 14.941,86, respectivamente.

Além desses cargos, o processo seletivo também irá contar com vagas para cargos no setor administrativo, mas que ainda não foram confirmadas. A banca nomeada para o concurso é o Cespe/UnB (Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília). A publicação do edital deve acontecer ainda no começo do segundo semestre deste ano.

Fazem parte da comissão do concurso, que foi formada em 20 de março, os seguintes representantes: a auditora das contas públicas Ana Beatriz Phryston de Mello; a conselheira Maria Teresa Caminha Duere; o procurador do Ministério Público de Contas Cristiano da Paixão Pimentel e o técnico de auditoria das contas públicas Paulo Otávio Távora Cavalcanti.

Segundo informações divulgadas pelo Sindicontas (Sindicato dos Servidores do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco), ainda não foram definidos os números de vagas, porém, o quantitativo não deverá ser maior que a oferta atual de 81 oportunidades existentes em função de falecimentos e aposentadorias.

O último processo seletivo, via concurso público, efetuado pelo órgão ocorreu em 2004 e abriu 109 oportunidades para diversos cargos, sendo eles: auditor das contas públicas, analista de sistemas, bibliotecário, procurador do Ministério Público de Contas, assistente técnico de informática e administração, inspetor de obras públicas (engenharia e arquitetura), auditor das contas públicas para a área de saúde (odontologia, farmácia, medicina ou enfermagem) e procurador consultivo do tribunal de contas. A banca que organizou este concurso também foi o Cespe/UnB.

No que se refere à vaga de auditor, o processo seletivo levou em conta 120 itens, que versaram acerca de conhecimentos específicos e também foram considerados os títulos dos candidatos para a classificação final.

Acompanhe as informações da banca organizadora e fique atento à publicação do edital!

Iris Gonçalves

Concurso Polícia Federal 2017 – Pedido de Vagas no MPOG

Oportunidades serão para delegado, perito, escrivão e agente.

Com a possibilidade de salários iniciais de até R$22,1 mil, a Polícia Federal tem pedido de 1.758 vagas no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. As oportunidades abrangem os cargos de: delegado, perito, escrivão e agente. Para todos os cargos do concurso a exigência é de Nível Superior. No momento a PF está apenas aguardando a liberação no MPOG para dar seguimento com o processo.

Esta é uma excelente oportunidade para os concurseiros e para os interessados em ingressar na Polícia Federal, pois os pedidos feitos de liberação de verba da corporação para o MPOG já estão tramitando novamente. Com isto o órgão tem a intenção de preencher 1.758 vagas, destas:

  • 600 para o cargo de escrivão

  • 491 vagas para delegados

  • 600 para agente

  • 67 vagas disponibilizadas para peritos

A liberação e posterior publicação do edital está dependendo apenas do Ministério do Planejamento emitir parecer indicando que possui a verba relacionada para que os aprovados no certame venham a poder tomar posse.

O processo da PF no MPOG estava travado desde o mês de junho de 2016, voltando a tramitar apenas no mês de maio, no dia 19, quando foi distribuído para vários setores do ministério.

É importante salientar que após o decreto de número 8.326, datado de 10 de outubro de 2014, a PF não tem mais a necessidade de autorização por parte do MPOG para realização de novos concursos, porém, o que tramita é a necessidade de emissão de parecer do órgão se manifestando apenas sobre a disponibilidade de verba, atestando assim a condição financeira para que tais vagas sejam de fato preenchidas.

Requisitos

Para concorrer ao cargo de escrivão e de agente, bastará ao candidato possuir Nível Superior, não importando a área de formação.

Já para perito, deverá ser de Nível Superior, porém em áreas específicas.

Aos candidatos que optarem pelo cargo de delegado, estes deverão ser formados em Direito, comprovando ao menos 3 anos de atividade nas áreas jurídicas ou policial.

Requisito comum a todos os cargos é que possuam Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na categoria “B” no momento da posse.

Com exceção do exame oral, que costuma ser realizado em Brasília, as provas deverão acontecer em todas as capitais.

Fique atento às notícias e boa sorte!

Por Silvano Andriotti

Concurso STJ 2017 – Nova Seleção é Confirmada

Concurso deverá ofertar vagas para analista e técnico.

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) anunciou a realização de novo concurso público, fazendo com que concurseiros e interessados do Brasil inteiro tenham a expectativa de que sejam ofertadas oportunidades voltadas às carreiras de analista e técnico.

No dia 9 de junho, sexta-feira, foi noticiado um documento autorizando realização de novo concurso para o quadro de colaboradores do Superior Tribunal de Justiça (STJ), o qual está sediado no Distrito Federal, Brasília.

No mesmo registro noticiado foi indicada a comissão que será responsável por presidir o edital do concurso e dela fazem parte: Inaê Cerqueira Alvarenga, Neyde Rocha Navatta, Roberto Bezerra, Daniela Cabral Dias de Carvalho, Waldelice Aparecida de Oliveira Poncioni, Greice Kerr Mandruzato e Gerardo da Silva Gomes. Todos servidores federais.

Maiores detalhes sobre o concurso

Maiores detalhes sobre o novo concurso do Superior Tribunal de Justiça ainda não foram informados, mas já existe uma grande expectativa de que venham a ser oportunizadas vagas para as carreiras de técnico e também de analista judiciário, para atuação em variadas especialidades dentro do STJ.

Sobre os cargos

  • Técnico: o cargo técnico é destinado aos profissionais que já tenham concluído o ensino médio ou equivalente a este, um curso técnico.

  • Analista: para o cargo de analista serão aceitos apenas candidatos que tenham diploma de cursos de nível superior em diversas áreas de atuação.

Salários

Como em outras edições dos concursos para o STJ (Superior Tribunal de Justiça), os salários ofertados são atrativos diferenciais do processo.

No cargo técnico, de nível médio, o salário inicial deverá ser no valor de R$ 6.167,99.

Já para o cargo de analista, o qual disponibilizará vagas apenas para candidatos de Curso Superior, o salário inicial deve chegar a R$10.119,93.

Vagas, Cargos e Especialidades

Após a criação da comissão que presidirá o edital, o que já foi feito, a próxima etapa consistirá em estabelecer a quantidade exata de vagas ofertadas, bem como os locais de atuação, além dos demais cargos e suas especialidades definidas. Uma banca organizadora também será indicada.

A possibilidade de que o concurso do STJ seja lançada de fato ainda no ano de 2017 é grande, porém, ainda não determinada com certeza.

O último concurso ocorreu no ano de 2015, no qual foram disponibilizadas 65 vagas e todas elas preenchidas no Distrito Federal.

Boa sorte!

Por Silvano Andriotti

Concurso Câmara Legislativa do DF 2017 – Inscrições e Vagas

Certame contará com 88 vagas. Edital deve ser divulgado em breve.

Novidades para quem está à espera do novo concurso público para a Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF). De acordo com as últimas informações, a seleção irá contar com no mínimo 88 vagas. Além disso, ainda haverá a formação de cadastro de reserva. As oportunidades serão distribuídas entre profissionais com formação de nível médio e superior. Veja os principais detalhes logo abaixo.

A previsão é de que a partir do próximo dia 07 de junho seja definida qual empresa ficará a cargo da elaboração, organização e execução do certame. Até o momento são três instituições nessa disputa. Entretanto, a expectativa é de que a Cebraspe acabe sendo a escolhida. Isso porque foi a organizadora do último concurso.

Ao que se sabe até agora o concurso da CLDF irá disponibilizar vagas para os cargos de procurador, consultor técnico-legislativo, consultor legislativo e técnico legislativo.

As remunerações iniciais poderão chegar ao valor de R$ 10.143,07 para as funções de nível médio e de R$ 15.123,30 para quem possui formação de nível superior.

É interessante destacar que assim que a contratação da organizadora for definida, o edital deverá sair em um período máximo de 15 dias úteis. Sendo assim, há uma grande possibilidade de que o documento seja lançado ainda neste mês de junho. No caso da aplicação das provas elas já podem ocorrer cerca de 90 dias após o lançamento do edital de abertura.

De acordo com o site oficial da CLDF, todo processo envolvendo a realização deste concurso público será acompanhado pela Procuradoria do Distrito Federal para fiscalização e análise de todo andamento.

O último concurso para a Câmara Legislativa do Distrito Federal aconteceu em 2005. Na época foram oferecidas 120 vagas. Para elas, se inscreveram mais de 75.740 candidatos. A organização técnica-administrativa ficou a cargo do Cespe/UnB.

Candidatos de nível superior contaram com oportunidades para consultor técnico legislativo e consultor legislativo. Para o nível médio havia oportunidades para técnico legislativo.

Para a seleção dos inscritos foram realizados testes discursivos, exames práticos, análise de títulos, prova prática de informática, avaliação de conduta, inspeção de saúde, aptidão física, avaliação psicológica, entre diversas outras fases.

Adicione nossa página em seus favoritos e fique por dentro de todas as novidades.

Compartilhe esta notícia com seus amigos em suas redes sociais.

Por Denisson Soares

Concurso para Auditor Fiscal do Trabalho 2017

Pedido para 1.190 vagas já foi enviado ao Ministério do Planejamento.

Quem nunca desanimou de estudar para o tão sonhado concurso de Auditor Fiscal do Trabalho foi presenteado no último dia 25 de maio com um boa notícia: o Ministério do Trabalho e Previdência Social (MTPS) anunciou que protocolou, na data acima, um pedido de quase 1.200 vagas para a realização de uma seleção para o cargo junto ao Ministério do Planejamento.

A boa notícia veio como um vento de renovação e esperança para milhares de candidatos que sonham com o cargo. Afinal, além da tão sonhada estabilidade da carreira pública, a remuneração para as novas vagas deverá ser de quase R$ 21.000,00 para quem iniciar nesta atividade.

Nada mal para quem está acostumado a uma vida de instabilidade, pouco ou quase nenhum reconhecimento e o risco de ser demitido a qualquer hora, típicos do setor privado no país que viveu sempre a mercê dos sobe e desce da economia brasileira.

Segundo os representantes da categoria, a carreira de Auditor Fiscal apresenta uma carência de pessoal em muitos estados, daí a luta da classe para que o concurso seja realizado. Além disto, o salário inicial deverá ser o citado acima, chegando aos R$ 30.000,00 para quem estiver perto de se aposentar.

Note-se que o valor da remuneração inicial refere-se apenas ao valor fixo, sem incluir os demais benefícios inerentes à classe. Eis a razão pela qual a disputa pelo cargo promete sempre ser uma das mais acirradas entre os concurseiros de plantão.

Depois de expostos todos as benesses, cabe agora aos que estão dispostos a ‘arregaçar as mangas’ e mergulhar de cabeça nos estudos’. Para aqueles que já vem se preparando há algum tempo, é hora de começar a revisar o que já estudou e aprofundar mais ainda nos assuntos pertinentes a concurso.

Para ganhar tempo, os estudantes podem se basear no último concurso que foi realizado para o cargo no ano de 2006, sendo o requisito principal que o candidato tenha nível superior em qualquer área. Segundo a última seleção, a banca organizadora foi a CESPE/Brasília. Entretanto, pode ser que as próximas provas sejam aplicadas também pela Escola de Administração Fazendária (ESAF).

Emmanoel Gomes

Concurso Receita Federal 2017 – Pedido avança para o Ministério do Planejamento

Certame deverá contar com vagas para assistente técnico-administrativo, auditor-fiscal e analista tributário. Salários podem chegar a R$ 19 mil.

Quem está sempre ligado no mundo dos concursos públicos precisa saber que a Receita Federal do Brasil anunciou suas pretensões de realizar o seu aguardado certame para as carreiras de assistente técnico-administrativo, auditor-fiscal e analista tributário. O salário inicial é de até R$ 19 mil.

Até o momento, o pedido para a realização da seleção do Ministério da Fazenda está tramitando no Ministério do Planejamento. Por meio de solicitação, que possui o objetivo da realização dos concursos para o preenchimento dos cargos em carreiras fazendárias, conforme o próprio processo, o cadastro do plano foi feito na noite de quinta-feira, dia 25 de maio, sendo que os avanços já começaram a ocorrer na data da última segunda-feira, dia 29 de maio.

No total, o concurso da Receita Federal irá ofertar 400 vagas. Essa informação está na Lei de Orçamentária Anual, a LOA, que foi sancionada pelo governo federal e já está em execução. Há a expectativa de que esse processo seja incluído entre todos os casos tidos como excepcionais do governo federal, uma vez que há uma grande necessidade de preenchimento destes cargos por pessoas capacitadas, dada a importância da atividade para o desenvolvimento do órgão e para a recuperação da economia no Brasil.

Um dos problemas constatados pelo Tribunal de Contas da União, o TCU, é a falta de servidores. O fato foi identificado em auditorias realizadas nas fronteiras. A realidade atual é de que existe um quadro de 10.500 auditores, porém, desde o ano de 2002 foi registrado pela Receita uma média de 600 aposentadorias em cada ano de carreira de auditor.

Sendo assim, entre 2009 e 2017, aproximadamente 3.246 servidores saíram do seu trabalho no órgão. Por outro lado, nesse tempo, somente 1.204 foram recolocados nos lugares, totalizando um déficit de 2.042 auditores.

Em relação aos requisitos colocados para quem quer futuramente se candidatar para as funções, é preciso saber, primeiramente, que o cargo de assistente técnico-administrativo (ATA) necessitará de pessoas formadas em nível médio. Já para os cargos de auditor e analista fiscal, é exigida uma formação superior. Nesses dois casos, é importante ressaltar que as contratações serão realizadas pelo regime estatuário e, dessa forma, terá previsão de estabilidade.

Kellen Kunz

Concurso Público MTE 2017 – Pedido de Autorização

Seleção deve oferecer 1.163 vagas para Agente Administrativo.

O edital do concurso do Ministério do Trabalho e Previdência Social (MTE) deve sair em breve. O pedido de autorização para o processo seletivo foi feito pelo órgão público no dia 25 de maio de 2017. Dessa forma, devem ser ofertadas 2.600 vagas para níveis médio e superior, para atuação em cargos do setor administrativo.

Possíveis vagas e remunerações

Estão previstas oportunidades para os seguintes cargos de nível superior:

  • Administrador – 85 vagas;
  • Arquivista – 32 vagas;
  • Contador – 54 vagas;
  • Engenheiro – 5 vagas;
  • Estatístico – 5 vagas;
  • Sociólogo – 3 vagas;
  • Psicólogo – 26 vagas;
  • Técnicos em assuntos educacionais – 10 vagas;
  • Técnico em Comunicação Social – 10 vagas;
  • Economista – 12 vagas.

Nesse caso, a remuneração inicial será de R$ 5.494,09. Devem ser ofertadas, ainda, 1.190 vagas para a função de auditor-fiscal, que tem alta necessidade de servidores, para realização de atividades de extrema importância, como combate ao trabalho escravo. A remuneração para esta função é bastante elevada, chegando a R$ 19.211.

Já para o nível médio, haverá a posição de agente administrativo (número de vagas ainda não definido), com faixa salarial de R$ 3.423,70, além de auxílio-alimentação no valor de R$ 458.

Locais em que haverá vagas

O último edital referente ao concurso é de 2014. Nele, havia oportunidade para todos os estados do Brasil, incluindo cidades do interior. Isso deve ser mantido na próxima publicação.

Previsão para o concurso do Ministério do Trabalho e Previdência Social

A possibilidade é de que o concurso do Ministério do Trabalho seja aberto no início de 2018. Porém, o edital pode vir a ser divulgado ainda em 2017, talvez no final do ano.

Tempo pode ser a favor dos candidatos

Os candidatos interessados no concurso do Ministério do Trabalho devem aproveitar os próximos meses para planejamento e estudos, uma vez que o edital costuma ser aberto apenas poucos meses anteriores à realização de provas. Assim, durante esse período será possível estudar antecipadamente provas anteriores, gabaritos e seu conteúdo.

No último processo seletivo, as principais disciplinas cobradas foram: língua portuguesa, noções de informática, noções de direito administrativo, atualidades, ética no serviço público e conhecimentos específicos de cada cargo. O edital do concurso do MTE de 2014 poder ser visualizado aqui.

Camilla Silva

Concurso Polícia Civil do Amapá 2017 – Edital em Breve

Seleção deverá ofertar 240 vagas para Delegado, Agentes e Escrivães.

Para quem reside no estado do Amapá e estava na expectativa de notícias sobre concursos públicos para a Polícia Civil do Estado, as notícias que chegam são animadoras. É que está previsto para o próximo mês o lançamento do edital de abertura do mais novo concurso para a corporação da Polícia Civil do Amapá.

A novidade foi anunciada no dia 29 de maio, por Waldez Góes, governador do estado. O anúncio foi feito durante uma cerimônia em que o governador fez a entrega de uma nova delegacia, a Delegacia Integrada Distrital, a DID, assim como novas viaturas, equipamentos, lanchas e coletes balísticos.

A comissão do Concurso que se encarrega de todos os trâmites relacionados ao certame foi devidamente publicada no Diário Oficial da União no mês de Dezembro do ano passado.

Segundo as primeiras informações, serão disponibilizadas o total de 240 oportunidades, todas para agentes de polícia. Contudo, devido a um elevado número de aposentadorias previstas, o número de oportunidades pode até dobrar.

O documento que diagnostica o número de vagas disponíveis foi elaborado pelo órgão responsável que é a Delegacia Geral da Polícia. Desse modo, a previsão inicial é de que sejam contratados 30 delegados, 120 agentes e 90 escrivães de polícia.

Mesmo sendo realizadas estas contratações que estão previstas, elas ainda não serão suficientes para suprirem o déficit de servidores da corporação, mas pelo menos deve amenizar a carência de agentes que a instituição passa. Afinal, são quase 7 anos sem a realização de novos concursos.

O próximo passo é a contratação de uma banca que se responsabilizará pela organização e aplicação das provas, o que deve ser realizado nos próximos dias por meio de processo licitatório.

Nesse sentido, se você reside no estado do Amapá e deseja prestar o Concurso Público da Polícia Militar, o edital deve ser publicado nas próximas semanas para que as provas sejam realizadas no segundo semestre deste ano.

Desse modo, a recomendação é de que os interessados fiquem atentos à abertura do período de inscrições e que já comecem a se preparar. Para saber o conteúdo pragmático é só consultar editais de concursos já realizados.

Entre para a corporação da PC-AP. Prepare-se e boa sorte!

Sirlene Montes

Concursos do TRE 2017 – PR, BA, DF, TO, MS, RJ, CE, SC e RN

Confira aqui as principais informações sobre os novos concursos públicos do TRE do PR, BA, DF, TO, MS, RJ, CE, SC e RN.

Foram definidos comissões em 5 estados para os concursos TRE 2017. Com isso, este ano as oportunidades são excelentes para quem deseja trabalhar nos Tribunais Eleitorais. Ao menos 8 grande editais estão programados e as oportunidades de trabalho são para àqueles que possuem nível médio ou superior.

Contudo, além da questão salarial, que é medida pelo cargo e pela escolaridade, os concursos para trabalhar nos tribunais também oferecem outros benefícios como é o caso dos excelentes planos de saúde e de convênios com muitas entidades, o que proporciona bem-estar e lazer tanto para os servidores concursados quanto para seus dependentes legais.

A maior parte dos editais publicados está direcionada para vagas na região nordeste, nos Tribunais Regionais dos estados da Bahia e do Ceará. No que se refere à Bahia, a instituição organizadora já foi contratada e o edital deverá ser liberado nas próximas semanas. Todavia, todas as regiões do país disponibilizarão editais para os concursos públicos do TRE 2017, incluindo o maior órgão eleitoral, o Tribunal Superior Eleitoral, no Distrito Federal.

É uma tradição que os órgãos eleitorais façam muitas nomeações, o que culmina em milhares de convocados, como aconteceu em suas últimas sessões e que deve se repetir no que se refere aos concursos deste ano.

Vale ressaltar que há um aumento para os servidores do judiciário federal. Sendo assim, os cargos de Analista Judiciário pode alcançar o patamar mais elevado da carreira recebendo mais de 19 mil reais mensais. No que diz respeito aos técnicos, começam na Classe C (nível inicial), recebendo mais de 7 mil reais, um salário bem alto se levarmos em consideração que é um cargo de nível médio. Além disso, os concursados recebem R$ 884 de auxílio alimentação, auxílio natalidade (no valor de R$ 700) e auxílio saúde (no valor de R$ 300).

Os estados que disponibilizarão editais para vagas nos Tribunais Regionais são os seguintes: Bahia, Paraná, Distrito Federal, Ceará, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Tocantins e Rio Grande do Norte (adiado para 2018). Todos os concursos em questão são para candidatos com nível médio ou superior e com remuneração inicial de até 12 mil reais mensais.

Iris Gonçalves

Concurso CRF-RS 2017 – Edital em Breve

Instituto Quadrix será responsável pela organização do certame. Edital deverá ser divulgado nos próximos dias.

O edital do novo Concurso Público do CRF/RS (Conselho Regional de Farmácia do Rio Grande do Sul) deverá ser divulgado em breve. O certame deverá ofertar vagas para todos os níveis e a banca organizadora já está escolhida.

De acordo com informações disponíveis, os salários iniciais são de até R$ 5,2 mil. O Conselho Regional em questão escolheu como banca organizadora deste concurso o Instituto Quadrix.

Segundo informações do setor de recursos humanos da instituição, ainda estão sendo discutidas internamente as definições de oferta de vagas, assim como os respectivos cargos. Todavia, já é possível afirmar que o processo seletivo trará oportunidades para as pessoas que possuem níveis fundamental, médio e superior. Também já consta que as remunerações iniciais apresentarão variações de R$ 1.278,42 a R$ 5.221,55. O setor de recursos humanos também informou que a publicação do edital para o referido concurso tem previsão para acontecer ainda no primeiro semestre deste ano, até o mês de julho.

Por mais que ainda não haja confirmação referente aos cargos que serão oferecidos neste concurso, outra questão que já foi antecipada é que o processo seletivo abrirá oportunidades de lotação em dez municípios, sendo eles: Lajeado, Santo Ângelo, Caxias do Sul, Passo Fundo, Santa Maria, Fronteira Oeste, Pelotas, Ijuí, Osório e Porto Alegre.

Os benefícios oferecidos pelo órgão neste concurso são plano de saúde médico e também odontológico.

Quando for dado início às inscrições, a realização delas deverá ser apenas via internet, no endereço online do órgão organizador: www.quadrix.org.br.

O último concurso promovido pelo Conselho Regional de Farmácia do Rio Grande do Sul aconteceu no ano de 2013 e foram abertas nove vagas imediatas. Neste mesmo concurso, foi realizada a formação de cadastro reserva de pessoal, para cargos de nível fundamental, médio e superior. Na ocasião, a banca responsável pela organização do concurso também foi o Instituto Quadrix.

As oportunidades para pessoas de nível médio foram para auxiliar de limpeza e copeira, com lotação na cidade de Porto Alegre. No que tange às vagas para nível médio, foram abertas oportunidades para os cargos de agente administrativo, agente contábil, agente de manutenção, agente de teleatendimento, assistente jurídico e técnico em informática. Por fim, no que tange às vagas de nível superior, os cargos abertos foram: contador, farmacêutico, advogado, bibliotecário, assistente de recursos humanos e programador.

Iris Gonçalves

Concurso CREA-SP 2017 – Banca Organizadora e Taxas

Instituto Nosso Rumo será responsável pela seleção.

Para quem vem aguardando uma definição sobre o Concurso do CREA/SP, aqui vai uma boa notícia: O órgão definiu nesta terça-feira, dia 16, maiores detalhes sobre o seu próximo concurso.

Segundo a assessoria do Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura de São Paulo (CREA), a banca responsável pela elaboração, aplicação e a correção das provas foi definida, bem como os valores que deverão ser pagos pelos candidatos interessados em concorrer a uma vaga no órgão.

De acordo com as informações divulgadas, a empresa responsável pelo processo seletivo para o órgão será o Instituto Nosso Rumo. Os valores anunciados para a taxa de inscrição serão de R$ 40,00 para quem for concorrer a um cargo que exija apenas o nível médio e de R$ 55,00 para os portadores de diploma de nível superior.

Apesar da novidade, ainda continuam sem definição qual o número de vagas que deverá ser disponibilizado para o órgão e quais cargos deverão ser contemplados com novas vagas.

Com a definição da responsável pela aplicação do concurso, deverá ser elaborado agora o edital referente ao mesmo, que ficará a cargo da contratada por meio de uma comissão especial que já foi formada, além da definição de que vagas abertas deverão ser destinadas para contratação imediata e qual deverá ser disponibilizada para a formação de um cadastro de reserva.

A expectativa é que até o segundo semestre de 2017 o edital possa ser publicado para que as inscrições possam ser efetuadas. A data das provas ainda será informada aos candidatos.

Segundo o que foi levantado, o último concurso aconteceu em 2008 e todas as vagas foram disponibilizadas para cadastro de reserva.

A necessidade de um novo concurso veio então em 2014, por força de uma recomendação do Ministério Público Federal de São Paulo (MPF/SP), após a análise e pedido de instauração de inquérito para investigar as várias dispensas de licitação pelo órgão e imediata contratação de escritórios independentes de advocacia que recebiam seus honorários e eram acusados de não prestarem o serviço contratado.

Com as próximas definições do novo concurso, a expectativa é que cerca de quatro vagas sejam abertas.

De acordo com o último concurso aplicado, o processo de seleção contou com provas objetivas, além da análise de títulos dos candidatos e a execução de uma peça processual para os candidatos que concorreram ao cargo de advogado da instituição.

Emmanoel Gomes

Concurso SAA-SP 2017 – Autorização para 189 Vagas

Seleção deverá ofertar vagas de nível fundamental, médio e superior. Empresa organizadora deverá ser escolhida em breve.

Os concurseiros de plantão do estado de São Paulo, depois uma longa espera, finalmente poderão realizar o novo concurso público da SAA/SP, a Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento do estado de São Paulo. A confirmação foi anunciada nesta última quinta-feira, dia 11 do mês de maio, quando o governador do estado Geraldo Alckmin assinou o documento que o autoriza.

O concurso que já é esperado há mais de 2 anos será o primeiro concurso público em um período de 10 anos a ser realizado pelo órgão. Segundo as primeiras informações, serão disponibilizadas no certame o equivalente a 189 vagas, para pessoas com níveis de escolaridade diferentes. Veja:

Para quem possui ensino fundamental serão oferecidas 14 vagas para a função de auxiliar de apoio agropecuário I. Os requisitos para este cargo são: 4ª série do ensino de nível fundamental e experiência de um ano na área. O salário inicial previsto para este cargo é de R$ 1.104.

Para quem possui ensino fundamental completo os cargos oferecidos são de oficial de apoio agropecuário, em que são disponibilizadas 5 vagas e possui como requisito a comprovação de dois anos de experiência. O salário inicial para este cargo é de R$ 1.104. O outro cargo é o de oficial de apoio à pesquisa científica e tecnológica, que terá 6 vagas disponíveis, exigindo também dois anos de experiência. O salário inicial é de R$ 1.046,07.

Para quem possui ensino médio completo as oportunidades são para os cargos seguintes:

– Agente de apoio agropecuário: 15 vagas disponíveis, exigência de dois anos de experiência. Salário inicial de R$ 1.299,53;

– Oficial administrativo: 3 vagas disponíveis. Salário inicial de R$ 1.294;

– Técnico de apoio agropecuário I: 6 vagas disponíveis, com exigência de experiência de três anos na área, além de formação técnica específica. O salário inicial é de R$ 1.614,40;

– Técnico de apoio à pesquisa científica e tecnológica: 5 vagas disponíveis, exigência de três anos de experiência na área, além de formação técnica específica. Salário inicial de R$ 1.614,40;

Para as pessoas que possuem curso de nível superior as oportunidades são para os seguintes cargos:

– Assistente agropecuário: 95 vagas disponíveis e remuneração inicial no valor de R$ 3.711,77;

– Pesquisador científico: 33 vagas disponíveis e remuneração mensal de R$ 4.173,85;

– Assistente Técnico de pesquisa científica e tecnológica: 7 vagas disponíveis e remuneração inicial de R$ 2.673,28.

Por enquanto o que sabe é que o concurso de fato deve acontecer, pois agora a banca organizadora deve ser contratada e os trâmites legais resolvidos.

Sirlene Montes

Concurso HC de Ribeirão Preto 2017 SP – Edital em Breve

Certame deverá ofertar vagas de nível médio e superior.

Para quem reside em Ribeirão Preto, município do estado de São Paulo e está na expectativa pelo lançamento do edital de abertura do concurso público do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina, as notícias que chegam são bem animadoras. É que no dia 11 do mês de maio, última quinta-feira, o governador do estado, Geraldo Alckmin, fez a autorização do certame, que disponibilizará para a concorrência o total de 195 oportunidades.

De acordo com as primeiras informações, deste total de vagas, 24 serão disponibilizadas em um novo concurso. Já as restantes (171) são para a convocação de candidatos já aprovados e remanescentes de outros concursos que ainda estão em período válido.

Nesse sentido, para o novo concurso 7 vagas são para pessoas que possuem ensino médio completo e as 17 restantes são para pessoas que possuam ensino de nível superior. Os salários iniciais são de até o valor de R$ 7.200.

As pessoas que possuem ensino médio poderão concorrer para o cargo de oficial administrativo, cujo salário inicial é a partir de R$ 1.294.

Já as pessoas com curso superior podem concorrer aos cargos de médico I, agente técnico de assistência à saúde, farmacêutico e agente técnico de assistência à saúde/ fonoaudiólogo (2 vagas).

Para aqueles que já prestaram outros concursos e foram aprovados, os cargos a serem convocados para nomeação são de :

– Agente técnico de assistência à saúde, com especialidade em assistência social: 2 vagas;

– Agente técnico de assistência à saúde, com especialidade em fisioterapia: 3 vagas;

– Agente técnico de assistência à saúde, com especialidade em psicologia: 2 vagas;

– Enfermeiro: 42 vagas;

– Médico I: 25 vagas;

– Técnico de enfermagem: 97 vagas.

Ainda não existe uma data definida para a realização das provas ou para a convocação dos remanescentes. Contudo, a partir dessa autorização o próprio órgão que é o responsável pelos trâmites legais já deve iniciar suas atividades nesse sentido, para que o concurso público seja realizado ainda este ano, assim como a nomeação dos aprovados do novo e de outros concursos realizados pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto.

Para maiores informações acesse o site do HCFM –RP.

Sirlene Montes