Concurso AGU 2015 abre 84 vagas de trabalho

Certame tem vagas disponíveis no cargo de Advogado da União de 2ª Categoria.

Foi publicado recentemente o edital nº 01/2015 que é o responsável por dar início ao concurso público da Advocacia Geral da União. Vale ressaltar que este concurso era bastante aguardado em todo o país. O edital aqui destacado tem por finalidade o preenchimento de 84 vagas para o cargo de Advogado da União de 2ª Categoria. É importante destacar que o edital prevê a reserva de vagas para candidatos que se declararem negros ou com deficiência no ato da inscrição.

Um dos principais destaques do cargo de Advogado da União de 2ª Categoria é justamente a remuneração inicial dos futuros contratados: R$ 17.330,33. Para exercer o cargo os interessados deverão prestar o concurso público que será organizado pelo Cespe/UnB. Estarão aptos a participar do certame os candidatos que atendem os seguintes pré-requisitos: idade mínima de 18 anos; o candidato deve possuir diploma de Bacharel em Direito em uma instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC; é preciso possuir o registro de inscrição na OAB; o mesmo deve possuir experiência de, pelo menos, dois anos de prática forense dentre outras exigências.

Para os interessados nesta oportunidade, saibam que o período de inscrições terá o seu início em 24 de julho e término em 17 de agosto de 2015. O procedimento de pré-inscrição será realizado por meio exclusivo da internet. Portanto, os candidatos devem acessar o site oficial da Cespe/UnB – www.cespe.unb.br/concursos/agu_15_adv. Os mesmos deverão pagar uma taxa de inscrição no valor de R$ 195,00.

Os candidatos devidamente inscritos no certame serão submetidos a um processo seletivo que conta com: prova objetiva; inscrição definitiva; provas discursivas; prova oral; sindicância de vida pregressa; além de avaliação de títulos. Além disso, os candidatos que se declararem portadores de deficiência no ato da inscrição serão submetidos à perícia médica.

É importante ressaltar que todas as fases, com exceção da prova oral e da perícia médica, serão realizadas nas 26 capitais dos Estados, bem como no Distrito Federal. A prova oral e a perícia médica serão realizadas apenas em Brasília, Distrito Federal.

Por Bruno Henrique