Concurso SECTI-ES 2016 abre vagas para Professores

Inscrições podem ser realizadas até o dia 14 de fevereiro de 2016.

A Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional, localizada no Estado do Espírito Santo, lançou um extrato de edital para processo seletivo, o qual está sob o número 15/2015, com a finalidade de contratar Professores, em regime de designação temporária para exercerem suas atividades nos cursos de Educação Profissional e Tecnológica.

Os candidatos aprovados no processo de seleção e posteriormente contratados farão jus a uma remuneração que irá variar entre R$ 1.162,19 e R$ 3.554,92, conforme o nível de escolaridade do cargo a ser preenchido pelo concorrente.

De acordo as informações oficiais, as inscrições foram prorrogadas devido a alguns problemas técnicos e serão efetuadas via internet, através do endereço eletrônico de seleção www.selecao.es.gov.br, iniciando-se às 10h do dia 11 de janeiro de 2016 e terminando provavelmente no dia 14 do próximo mês.

No momento da inscrição o candidato terá de informar alguns dados como: nome completo, CPF, data de nascimento (dia, mês e ano), carteira de identidade,  áreas do conhecimento, endereço residencial completo e também o município em que pretende executar suas atividades.

O processo de seleção será composto por prova de títulos e também de experiência profissional, as quais possuem caráter eliminatório e classificatório.

A lista dos candidatos classificados irá ser disponibilizada nos seguintes sites www.selecao.es.gov.br e www.sectti.es.gov.br.

A validade do referido processo de seleção será, inicialmente, de um ano, ou seja, 12 meses, os quais são contados a partir da data de publicação do edital de homologação do resultado final certame, porém poderá ser prorrogado pelo mesmo período, somente uma vez.

Os editais foram publicados através do Diário Oficial dos Poderes do Estado – Espirito Santo – Executivo, o qual pode ser acessado através deste link direto: dio.es.gov.br. O mesmo foi divulgado no dia 30 de dezembro de 2015, a partir da página de número 58.

Por Nádia Neves