Concurso DPE-PR 2017 – Vagas Abertas para Defensores Públicos

Certame oferta 13 vagas para Defensores Públicos. As inscrições podem ser realizadas até o dia 7 de março.

A Defensoria Pública o Estado de Paraná lançou no Diário Oficial, na sexta-feira, dia 13, edital para concurso público de 2017. Estima-se que serão contratados 13 defensores públicos.

Para se inscrever, basta acessar o site da Fundação Carlos Chagas até o dia 7 de março deste ano. A taxa de inscrição é de R$250,00.

O salário inicial de defensor público é de R$14.294,12, com benefícios como: auxílio alimentação de R$751,96 e auxílio-transporte no valor de R$325,60.

Com o preenchimento das 13 vagas, o restante dos candidatos ficará com seus registros guardados para eventuais vagas em aberto ao longo deste ano.

Para se candidatar é necessário que o candidato seja Bacharel em Direito, esteja inscrito na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), e em caso de ser convocado, deve comprovar que possui no mínimo três anos de experiência na área jurídica.

A seleção ocorrerá através da divisão de duas provas: uma objetiva, com cerca de 100 questões, e outra dissertativa (com média de seis horas de duração). Além disso, uma prova oral com temas sobre o conteúdo do concurso.

Todas as etapas são classificatórias e tem caráter eliminatório. Os candidatos considerados aptos devem ter aproveitamento positivo de mais de 50% das provas.

As datas e horários ainda estão para serem divulgados.

O concurso de Defensoria Pública do Paraná é um dos mais esperados do país. O último aberto foi no ano de 2014, com previsão de abertura de 129 vagas. Apenas 56 candidatos foram aprovados e até agora apenas 42 foram oficialmente nomeados.

A Defensoria Pública é responsável pela assessoria jurídica a quem não pode custear para pagar por ela, visando a defesa das necessidades do povo em suas causas individuais e de natureza justa.

A Defensoria Pública do Estado do Paraná conta com iniciativas e projetos para auxiliar e informar a população. Algumas dessas são: Programa de rádio, chamado “É seu direito”; um centro de atendimento, núcleos especializados, como a “Casa da Mulher Brasileira” para tratar casos de violência doméstica e proteger os direitos da mulher; além de postos de atendimento que visem proporcionar mais conforto e agilidade nos casos reportados.

Para se inscrever, acesse o site www.concursosfcc.com.br.

Por Yamí de Araújo Couto

Concurso TRE-PB 2015 já tem a banca definida

Fundação Carlos Chagas será a banca organizadora do certame do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba.

Está focando os seus estudos no concurso do Tribunal Regional Eleitoral do Estado da Paraíba (TRE/PB)? O Órgão já definiu a organizadora do certame: Fundação Carlos Chagas (FCC). A expectativa é que o edital seja publicado em pouco tempo, por isso, este é o momento para os candidatos intensificarem a preparação.

O TRE/PB vai oferecer oportunidades para o cargo de Técnico, 6 vagas, e remuneração inicial de R$ 6.164,92 e Analista Judiciário, 2 vagas, e remuneração inicial de R$ 9.602,97. Para o primeiro cargo é preciso ter nível médio e o segundo superior. Nos valores também estão inclusos o valor de R$ 799,00 de auxílio alimentação.

As vagas de técnico serão divididas em 4 para a área administrativa, 1 para programação de sistema e a outra para operação de computadores. Em relação à oportunidade de Analista, as duas vagas serão para o cargo de Analista Administrativo.

O último concurso para o TRE/PB foi organizado em 2007 e também foi feito pela Fundação Carlos Chagas.

Está interessado em fazer este certame? Então, comece fazendo um planejamento com as disciplinas do cargo que almeja no seu tempo disponível de estudo.

Além de focar a teoria, faça revisões do conteúdo e, sobretudo, muitos exercícios da banca organizadora, que é a FCC. Assim, você conhece o estilo da prova e as pegadinhas. Para conciliar o trabalho e os estudos, faça um cronograma e procure estudar, pelo menos, duas a três horas por dia. Intensifique este tempo nos fins de semana, feriado ou nas suas férias.

É perfeitamente possível conciliar estudo para concurso e trabalho, mas vai exigir muita força de vontade e determinação. Faça um planejamento detalhado e procure estudar um pouco no horário do seu almoço, por exemplo.

Para manter o pique e a energia, faça atividades físicas, porque elas auxiliam na memorização e ajudam na concentração.

Boa sorte e muito sucesso nas suas provas. 

Por Babi