Compre aqui apostila para este concurso!

Concurso TRT-MG 2015 terá edital em breve


  

As oportunidades serão para nível médio e superior de escolaridade

O Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região, em Minas Gerais, está aguardando o fechamento do contrato com a banca organizadora para decidir sobre o cronograma do concurso público, a divulgação do edital e o período das inscrições. É esperado que estes últimos ajustes de contrato terminem em breve. Depois disso, será anunciada a data em que começarão as inscrições do certame. A organizadora escolhida é a Fundação Carlos Chagas.

Está previsto que será disponibilizado a modalidade de cadastro reserva para as funções de analistas e técnicos. A autorização do concurso público está sendo esperada desde o dia 17 de julho de 2014.

O requisito para se inscrever no posto de técnico é ter nível médio de escolaridade. No cargo de analista, é essencial que os candidatos tenham concluído o ensino superior, com curso de especialização no ramo a ser exercido.

Para a função de analista, os rendimentos mensais serão de R$ 8.118,19 e na profissão de técnico, o salário é de R$ 4.947,95.




O último concurso público aconteceu no ano de 2009, tendo a Fundação Carlos Chagas como a banca organizadora. No cargo de analista, as vagas foram destinadas para os seguintes setores: judiciário, tendo a finalidade de desempenho de mandatos; área administrativa com experiência no ramo de contabilidade; analista judiciário; engenharia elétrica; analista judiciário; medicina; psiquiatria; odontologia; pediatria; serviço social; fisioterapia; enfermagem.

No posto de analista, as oportunidades foram oferecidas nos ramos: administrativo, tecnologia da informação e contabilidade.

Os profissionais que optaram pela função de analista no setor administrativo, realizaram, um teste com 20 perguntas de língua portuguesa, 40 referentes às noções específicas e uma avaliação discursiva. Nas outras áreas de analistas, os candidatos foram submetidos a um exame com 20 questões de noções da atualidade e 20 referentes às noções específicas da profissão.

No cargo de técnico, as pessoas fizerem uma avaliação com 30 perguntas de português e 30 referentes à atualidade. 

Por Felipe Couto de Oliveira



Compre aqui apostila para este concurso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *