Concurso TJ-AL 2015 tem 20 vagas abertas


  

Certame oferece vagas para o cargo de Juiz Substituto. Inscrições podem ser realizadas até 23 de junho.

O Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL) está realizando um concurso público onde estão sendo oferecidas 20 oportunidades e também a modalidade de cadastro reserva na carreira de Juiz Substituto. O rendimento mensal dos profissionais será de R$ 23.727,47 acrescido dos complementos de vale-alimentação no valor de R$ 667,80 e auxílio moradia de R$ 4.377,73. Do total destas oportunidades, 5% serão destinadas para pessoas portadoras de necessidades especiais. A banca organizadora será a Fundação Carlos Chagas.

Para concorrer a este posto existe a exigência de ter concluído a graduação na área de Direito, idade inferior a 65 anos até a data de posse no cargo e ter uma experiência mínima de 3 anos nos serviços jurídicos depois de ter finalizado a graduação.

Os candidatos que tiverem interesse neste concurso devem acessar o portal da banca organizadora: www.concursosfcc.com.br/concursos/tjual114/index.html. O período das inscrições será finalizado no dia 23 de junho de 2015 no horário de 14h. Para tornar a inscrição válida, será necessário que os candidatos efetuem o pagamento de uma taxa no valor de R$ 280,00.




O certame contará com as seguintes fases: teste objetivo com uma modalidade eliminatória, avaliações escritas, período de inscrições definitivas, avaliação social, teste psicológico, avaliação oral, sindicância da vida pregressa, entrevista individual e verificação de títulos.

O teste objetivo acontecerá no dia 9 de agosto na cidade de Maceió (AL). Esta prova contará com 100 perguntas referentes aos assuntos de: Direito Processual Penal, Direito Ambiental, Direito Processual Civil, Direito Empresarial, Direito Civil, Direito Administrativo, Direito do Adolescente, Direito Eleitoral, Direito do Consumidor, Direito Tributário, Direito Penal, Direito da Criança e Direito Constitucional.

As avaliações escritas sucederão nos dias 8 até o dia 15 de novembro. Nesta prova escrita os candidatos serão avaliados nas seguintes disciplinas: Direito Processual Civil, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Civil e Direito Processual Penal. Na avaliação prática os candidatos irão elaborar 2 sentenças, sendo uma delas na área penal e a outra no ramo cível. 

Por Felipe Couto de Oliveira



Compre aqui apostila para este concurso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *