Concurso Secretaria de Educação de Cuiabá 2017 – Vagas Temporárias





Seleção oferta 6.603 vagas para cargos de nível médio, técnico e superior. Inscrições podem ser feitas até o dia 30 de janeiro de 2017.

Na sexta-feira, dia 20, inicia o prazo para se inscrever no concurso público da Secretaria Municipal de Educação de Cuiabá, no estado do Mato Grosso. Serão ofertadas ao todo 6.603 oportunidades em caráter temporário, onde 516 se destinam as pessoas com deficiência e para índios e negros serão 1.032 vagas.

Os candidatos que possuem ensino médio concorrem para técnico em nutrição escolar (493), técnico em administração escolar (24), técnico em infraestrutura e manutenção nas áreas de serviços gerais (997), motorista (21), vigilante (537), cuidador de aluno com deficiência (1040) e técnico em multimeios didáticos (13). A remuneração base será de R$ 977,93.

Para ensino médio profissionalizante a função é para técnico em desenvolvimento infantil, com 1.356 vagas e o salário será R$ 1.502,63.

Em nível superior as vagas são para técnico de nível superior (com 79 vagas) e professor (com 2.043 vagas), com salários de R$ 2.909,90 e R$ 2.146,63.

A inscrição é grátis e tem como limite a data de 30 de janeiro. Elas são feitas pessoalmente, na sede ou nas unidades educacionais da Secretaria Municipal de Educação.





Os candidatos serão avaliados com base em sua experiência profissional, formação continuada e titulação. No momento da inscrição o concorrente terá de apresentar os documentos comprobatórios para realizar a soma e entregas posteriores não serão aceitas. Os membros da banca organizadora irão realizar a conferência dos documentos e fazer a contagem dos pontos diante do concorrente.

A titulação de ensino médio irá valer 50 pontos, 70 para técnico, para graduação 100, para pós-graduação 110, mestrado 120 e para doutorado 130.

Entretanto na formação continuada, para cada 40 horas cursadas serão somados cinco pontos, limitado a 20 pontos. Apenas serão válidos cursos na área relacionada a função concorrida e no máximo nos três últimos anos, apresentando conteúdo ministrado e carga horária.

Experiência profissional será considerada aquelas na área de atuação, sendo necessário declaração do órgão, empregador ou registrado na CTPS, somente para a função de técnico de nível superior. Para cada seis meses atuado na área serão somados cinco pontos, limitado a 30 pontos.

Assim que terminar as inscrições, a banca irá classificar os inscritos de acordo com a pontuação em ordem decrescente.

FILIPE R SILVA



Compre aqui apostila para este concurso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *