Concurso Previsto da Receita Federal em 2017 – Previsão de 400 vagas abertas





Certame irá contratar profissionais para os cargos de Analista e Assistente Técnico-Administrativo.

Para os concurseiros que sonham em ingressar num carreira pública na Receita Federal, este ano de 2017 promete ser de boas novidades. Apesar da imposição feita pelo governo quanto à restrição de concursos públicos, a seleção que poderá ser feita neste ano para o órgão não deverá ser afetada pela decisão do governo.

Em resolução tomada desde o ano passado, a instituição decidiu enviar ao ministério do Planejamento um quantitativo de vagas destinadas ao preenchimento de cargos dentro do órgão com a finalidade de atender as demandas que crescem a cada dia. Para tanto, a proposta foi incluída no plano orçamentário de 2017, enviado ao Congresso Nacional ainda no ano passado para ser analisado, votado e aprovado. Para tal, o pedido inclui a realização de concurso público para o preenchimento de cerca de 400 vagas, tanto para nível superior quanto para nível médio.

Um dos cargos mais cobiçados pelos candidatos e que, por isto, requer uma preparação mais rigorosa será o de auditor. Para concorrer a tal posto, o candidato deverá ter obrigatoriamente o nível superior completo. Além destes, incluiu-se no pedido vagas para o cargo de analista, que também requer nível superior e de assistente técnico-administrativo, que exige o nível médio concluído.

Para o cargo de auditor, segundo os dados liberados pela própria Receita Federal, a remuneração inicial será de R$ 16.000,00, mas caso seja, aprovado um projeto de Lei que tramita na Câmara, esta remuneração poderá chegar a mais de R$ 21.000,00 ainda neste ano. Talvez, este seria um dos empregos dos sonhos da maioria dos candidatos que, além de contar com um salário considerável, poderão desfrutar da tão sonhada estabilidade no emprego, livrando-se, portanto, do pesadelo de uma demissão inesperada.





De acordo com a instituição, a organizadora do concurso deverá ser a ESAF, já conhecida da maioria dos candidatos que já estão na estrada há algum tempo e bastante famosa por dificultar a vida de todos, principalmente, de quem está se candidatando a um cargo de tão alto nível.

Para que está pensando em encarar este desafio, recomenda-se ler o último edital do concurso que foi realizado em 2014 (Para acessá-lo, clique aqui – www.esaf.fazenda.gov.br/assuntos/concursos_publicos/em-andamento-1/afrfb-2014/edital-18-aber.pdf). Para os mais experientes, a dica, é já ter começado a preparação. Alguns especialistas afirmam que para este tipo de seleção, a preparação requer de dois a três anos de estudo e sem perder o foco. Para quiser ter acessar

Os candidatos mais dispostos já podem ir tomando notas das disciplinas que são ‘cadeira cativa’ nas provas. São elas: Língua portuguesa, uma língua estrangeira, geralmente inglês ou espanhol, princípios da Administração pública e Direito Constitucional e Administrativo. Além disto, existem as disciplinas que constituem o foco principal para quem quer disputar os cargos mais concorridos. São elas: Legislação aduaneira e Comercio internacional, Contabilidade geral e avançada, Direito Tributário e Auditoria.

Por Emmanoel Gomes



Compre aqui apostila para este concurso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *